Google Maps de regresso ao Apple Watch

E finalmente após três anos ter sido retirada da App Store, eis que o Google Maps faz o seu regresso aos smartwatches da marca da maçã.

Foi Agosto deste ano que a Google anunciou que estaria a planear voltar a dar suporte e a submeter o Google Maps aos equipamentos da concorrência, neste caso, a Apple, três anos após ter sido retirada da loja de aplicações. E foi finalmente ontem que a mesma encontra-se completamente disponível para ser utilizada no Apple Watch.

Para já algumas das novidades incluem a possibilidade de previsão de tempos de viagem, bem como direcções passo a passo desde a nossa origem até o destino, tudo directamente desde o nosso pulso.

Foi no ano de 2015 que o Google Maps fez a sua primeira aparição no Apple Watch, mas foi completamente descontinuada em 2017 dado que foi a própria Google a remover a aplicação sem dar qualquer explicação acerca do motivo. Nomeadamente na altura, além da Google a própria Amazon também retirou a sua aplicação do Apple Watch. E também à semelhança da Google, a Amazon não deu qualquer explicação.

Passado pouco tempo, surgiu finalmente uma reacção com um porta voz da Google a confirmar de facto a retirada da aplicação e respectivo suporte no Apple Watch, deixando no ar no entanto a possibilidade de no futuro regressar à plataforma.

De acordo com o site 9to5Google, esta nova versão da aplicação não permite ao utilizador escolher um destino directamente desde o relógio. Para viagens expontâneas para locais que não se encontram gravados no seu Apple Watch, terá sempre de utilizar o iPhone para iniciar todo o processo de navegação, e então sim poderá seguir as indicações no seu relógio. Como podemos verificar é uma navegação e uma experiência bastante básica, mas para quem não é utilizador do Apple Maps é sempre uma excelente novidade este regresso da aplicação de mapas da Google.

Assim, para quem quiser desde já instalar a aplicação terá então de instalar primeiro que tudo a aplicação no seu iPhone. Seguidamente, deve possuir uma versão do watchOS 5 ou superior no seu relógio, e dirigir-se à App Store e efectuar o download para o seu Apple Watch.

Das muitas famosas aplicações que aos poucos têm sido retiradas da App Store de forma misteriosa, algumas continuam sem efectuar o regresso à loja da Apple, nomeadamente a rede social Twitter Amazon.

Fonte: TheVerge

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here