Google e Facebook burlados em 100 milhões em fraude na Internet

A justiça americana anunciou a prisão de um homem que conseguiu roubar 100 milhões de dólares a duas grandes empresas de tecnologia. Apesar dos alertas cada vez mais sonantes de verificação de segurança e manutenção de privacidade dados aos utilizadores, não foram suficientes para evitar que a Google e o Facebook caíssem nesta fraude na Internet.

As testemunhas deste caso, ouvidas pela revista Fortune, confirmaram quais as empresas envolvidas neste saque cibernético milionário. O crime foi cometido por um lituano de cerca de 40 anos, Evaldas Rimasauskas, que em 2013 forjou endereços de e-mail e documentos em nome da Quanta Computer, empresa com sede em Taiwan que fornece componentes eletrónicos a várias marcas norteamericanas.

Ao longo de dois anos as duas empresas foram enganadas de forma sucessiva, tendo o acusado conseguido transferências chorudas para contas em instituições bancárias no leste da Europa. O alarme soou apenas quando foi atingida a soma de 100 milhões de euros.

Ainda na mesma reportagem da Fortune, o Facebook alega que recuperou já grande parte do dinheiro, o mesmo acontecendo com a Google.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here