General Motors aposta em colagem e poupa 300 kg no fabrico de SUV

GMC Acadia

A General Motors está apostada no desenvolvimento de novas soluções para reduzir os consumos. Se na Europa essas preocupações há muito que são o grande desafio das equipas de engenharia, nos Estados Unidos da América a luta pela eficiência começa a tornar-se mais intensa.

O novo SUV da companhia para o mercado americano, o GMC Acadia, será mais leve cerca de 317 kg do que a anterior geração, e entre outras medidas consumirá menos 28% de combustível.

A aposta num novo processo de fabrico industrial, inventado pela Lotus em parceria com a Opel no final da década de 90 com o modelo Lotus Elise e Opel Speedster, que substitui as tradicionais soldaduras por colagem de elementos é um dos principais truques para esta rigorosa dieta. Este processo de fabrico é atualmente utilizado pela BMW nos modelos elétricos da submarca BMW i (i3 e i8).  Este método garante também excelentes índices de rigidez estrutural.

Além dos fabricantes de automóveis apostarem na colagem, também a Boeing já o adotou, nomeadamente no fabrico do avião Dreamliner.

A próxima grande aposta da General Motors, que será realizada em parceria com a Delphi, prende-se com o desenvolvimento de motorizações híbridas assentes em circuitos de 48 v, um valor mais baixo e que assentará em baterias mais simples do que as atuais de 200 volts dos modelos híbridos da Toyota e Lexus.

Boas notícias para o planeta, já que a América começa a dar firmes e rápidos passos no sentido de tornar o automóvel menos intrusivo no ambiente!

Fonte: Engadget

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here