Galaxy Home – Samsung entra na corrida das colunas inteligentes

A Samsung anunciou a sua entrada no mercado das colunas inteligentes com o lançamento da Galaxy Home. Com uma qualidade do som superior, vê como concorrente directo a HomePod, não deixando certamente de concorrer também com os dispositivos de gama inferior como as Google Home’s e os Echo da Amazon. Segundo a Samsung trata-se de uma coluna que combina “um som incrível com um elegante design”.

Em forma de um estranho vaso, suportado por três pernas metálicas e envolta em tecido, a Galaxy Home é agradável ao sentido. No topo os botões de controlo de volume e faixas dão um toque de requinte.

É de esperar que o equipamento possua som sorround, fazendo uso de 6 colunas e 1 subwoofer. Além disso a Galaxy Home terá 8 microfones com capacidade para captar o mais intimo comando que activará a Bixby, a sua assistente pessoal, para executar as mais diversas tarefas. Segundo a Samsung com a Bixby pode executar as mesmas tarefas que executaria no seu smartphone.

Para sabermos mais pormenores acerca desta coluna inteligente teremos de aguardar até Novembro, altura em que a Samsung planeia uma apresentação mais detalhada do dispositivo, durante uma conferencia de developer’s.

A grande questão que paira no ar é a de quão inteligente será esta coluna. A assistente da Samsung, a Bixby, nunca teve uma grande aceitação por parte dos utilizadores, e muito por conta de os mesmos a acharem pouco inteligente e prática. Se a Samsung pretende que a sua coluna lute por boa parte do mercado terá de se esforçar bastante para que a sua coluna inteligente se torne mais inteligente.

Numa altura em que o mercado das colunas inteligentes está já bem avançado a gigante coreana terá de saber fazer uma entrada em força no mesmo. A Amazon é lider destacada de mercado com o Echo e a Google talvez por o baixo preço também já conquistou uma boa cota de mercado com a Google Home.

De qualquer das formas, a empresa assume uma posição de luta directa num segmento de preços mais altos contra a Apple, no entanto ambas as empresas tem um grave problema, num mercado de colunas inteligentes os produtos por eles apresentados são vistos como pouco inteligentes…

Fonte: The Verge

Veja também...

Deixe um comentário

avatar
  Subscrever  
Notificar de