França lança aplicação de rastreamento da COVID-19

A França tal como se previa acaba de lançar a sua aplicação para ser utilizada de forma voluntária usando o método de rastreamento através de contactos para quem de algum modo esteve ou está ligado ao coronavírus.

Segundo o Bloomberg, o Governo Francês lançou a sua aplicação de rastreamento chamada StopCovid, de modo a poder notificar as pessoas quando as mesmas estiveram em contacto com alguém que recentemente terá sido diagnosticado positivo com COVID-19. Para já e segundo o Governo, a aplicação será utilizada de forma voluntária pelos indivíduos que pretenderem usufruir da mesma, informando que a eficiência e sucesso da aplicação resultará do maior número de pessoas que a utilizarem e reportarem a sua situação clínica.

Com a última actualização do iOS 13.5 da Apple, veio incluído então a opção de associar uma aplicação governamental para poder utilizar a tecnologia do iPhone para o método de rastreamento por contacto, e muitos países como a Itália e a Suíça começaram eles também a disponibilizar e oficializar as suas aplicações durante as últimas semanas.

No entanto a aplicação Francesa já encontrava-se em desenvolvimento antes mesmo da Apple disponibilizar aos iPhones e a Google para os smartphones Android, a função de activação do rastreamento por contactos. A aplicação StopCovid utiliza um protocolo chamado ROBERT.

O mesmo foi desenvolvido pelo projecto Pan-European Privacy-Preserving Proximity Tracing. Funciona resumidamente através da atribuição a cada utilizador da aplicação de um ID anónimo, o qual será utilizado para criar IDs temporários. Esses IDs temporários irão comunicar com os dispositivos nas redondezas através da tecnologia Bluetooth.

Caso alguém reporte que tenha sido diagnosticado positivo com COVID-19, o servidor irá marca todos esses IDs temporários associados com o seu ID permanente. Isto irá então despoletar uma notificação para todos os que estiveram em contacto com um ou mais daqueles IDs temporários.

No mês passado, o Governo Francês realizou manualmente o seu rastreamento através de contactos utilizando uma pequena equipa, de modo a notificarem aqueles que tiveram expostos a alguém que tenha contraído o vírus. Estes rastreamentos têm sido utilizados com base nos relatórios médicos para que possam efectuar as devidas notificações quando um paciente foi diagnosticado.

A aplicação StopCovid encontra-se já disponível para instalação através das lojas App Store da Apple e da Play Store da Google.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here