Foi há 36 anos que Steve Jobs deu a conhecer o primeiro Macintosh

Red Magic 3S

Custa-nos imaginar um computador com 7,5 quilogramas porque a tecnologia evoluiu de uma forma vertiginosa mas foi precisamente há 36 anos que Steve Jobs deu a conhecer o primeiro Macintosh ao mundo. O dia 24 de janeiro tornou-se um dia para a história. Foi numa reunião de acionistas da Apple que se viveu um momento histórico a nível planetário ainda que muitos não soubessem a verdadeira dimensão daquela criação: a poderosa máquina apresentou-se com uma mensagem para os presentes.

E assim o CEO da Apple apresentou o primeiro Macintosh que custava 2.495 dólares.

Mas vamos às suas características: ecrã a preto e branco de 9 polegadas, uma drive de disquetes de 3,5 polegadas, um processador Motorola 68000 de 8MHz, 128KB de RAM, um programa de processamento de texto, um rato e um pacote gráfico. Estas últimas 3 características atiravam a Apple para o caminho do sucesso e passava assim a fazer concorrência à IBM, empresa que dominava na época.

A mensagem que a máquina apresentou era a seguinte: “Olá, eu sou o Macintosh. É ótimo sair daquele saco. Não estou acostumado a falar em público, gostaria de partilhar convoso uma máxima que pensei na primeira vez que conheci um sistema da IBM: Nunca confies num computador que não consigas levantar! Obviamente, eu posso falar, mas neste momento gostaria de me sentar e ouvir. Então, é com considerável orgulho que apresento um homem que tem sido como um pai para mim… Steve Jobs.”

Apesar de caro, o mundo precisava desta “magia” e o Macintosh teve um grande número de vendas.

A Apple tinha assim lançado as sementes do que viria a ser o mundo dos computadores atuais. Nunca mais parou até aos dias de hoje. É uma das maiores vendedoras de computadores do mundo e consegue sempre superar-se a cada novo projeto. Só no ano passado vendeu mais de 18 milhões de Macs.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here