Fãs de Fórmula 1 já têm onde gastar o subsídio de férias

F1 Manager 2022 está quase a chegar às consolas. Segundo o site Racing Games o F1 Manager 2022, será lançado a 30 de agosto para PlayStation 5, Xbox Series X, PlayStation 4, Xbox One e PC.

O F1 Manager 2022 coloca os jogadores no lugar de manager de uma equipa de Fórmula 1, que terá de levar a respetiva scuderia a alcançar o sucesso. Para tal, terá de gerir praticamente todos os aspetos do funcionamento da equipa, desde a vertente humana, à financeira e, claro, excelentes desempenhos em pista.

Além disso, enquanto procura equilibrar as contas, tem de manter os patrocinadores satisfeitos e constantemente entusiasmados com o que vêm, por forma a continuarem a injetar capital. Todas as decisões contam para o desenvolvimento da equipa e traduzem-se em resultados.

Outro aspeto extremamente importante das equipas de hoje em dia, é a fábrica, algo que também está patente no jogo. Desde o scouting e contratação dos melhores técnicos para a equipa (Race Engineers, ou Chefe da Aerodinâmica, por exemplo), passando pela definição de quais os componentes a adquirir ou desenvolver, os pneus a usar em cada circunstância, os jogadores terão praticamente todos os aspetos da scuderia nas suas mãos.

Com a lista completa de pilotos da F1, F2 e F3 à escolha, os jogadores terão a opção de recrutar novos pilotos entre temporadas e, dessa forma, montar a equipa dos seus sonhos a partir de um autêntico grupo de estrelas atuais e futuras. Tanto a época em curso do Grande Prémio, como as seguintes, dependem das decisões tomadas.

Cada piloto foi recriado virtualmente através de processos de captura digital, para refletir com precisão os seus estilos de condução característicos. Também outros elementos como a habilidade, o temperamento e condição física terão um impacto crucial para o sucesso em pista pelo que esses atributos podem ser acompanhados em tempo real durante cada corrida.

Tal como acontece no mundo real, com o passar dos anos, os pilotos podem finalizar a sua carreira ou abandonar a equipa, o que obriga o jogador a ter pensamento estratégico e de futuro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui