Facebook está a ensinar os chatbots a ter uma conversa

blank

Apesar do recente anúncio que a Facebook descontinuou M, o seu assistente de realidade virtual, a empresa continua de olho nesta tecnologia mas pretende torna-la mais funcional.

Até à data, os assistentes são treinados através de redes neuronais usando como treino alguns conjuntos de diálogos pré construídos como é o caso dos filmes. Mas para que sejam totalmente funcionais e capazes de manter uma conversa comum, será necessário muito mais do que isso. O Facebook quer ir além das tipicas perguntas pré-programadas e criar assistentes com personalidades próprias capazes de ser mantidas durante o tempo total de uma conversa.

Para tentar contornar o problema, os engenheiros da Facebook estão a treinar os algoritmos de IA recorrendo aos mais de 1600 diálogos de trabalhadores da Amazon’s Mechanical Turk marketplace.

Embora ainda haja um caminho longo a percorrer, este é um passo fundamental na evolução dos chatbots que um dia integrarão a maior parte das empresas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here