Facebook. Bug estava a impedir pessoas com “muitas publicações” de eliminar a conta

Alguns utilizadores do Facebook com muitas publicações foram “impedidos” de eliminar o seu Facebook. Aparentemente, este impedimento ocorreu devido a um glitch. De acordo com uma reportagem da VentureBeat, houve um bug que impediu muitos utilizadores de eliminar a conta da rede social.

A reportagem deste website relata a história de um destes utilizadores, que tentou eliminar o perfil de Facebook através de diversos browsers e dispositivos. Terá mesmo contactado o Facebook múltiplas vezes e já estaria a considerar contratar um advogado.

Terá sido um bug a resultar no impedimento

A VentureBeat entrou em contacto com o Facebook que, depois deste contacto, terá resolvido o problema. Em causa estaria um bug que impedia que pessoas com “muitas publicações” não conseguissem eliminar as suas contas da rede social. O sistema, aparentemente, estaria a entrar em colapso após muito tempo a tentar processar o grande número de publicações da conta a eliminar, levando o utilizador a uma página branca.

Não é claro o número de utilizadores nesta situação

Nem o Facebook, nem o website VentureBeat adiantaram um número de utilizadores que tenham passado por esta situação. Não se sabe também se foi um problema regional ou se o problema se estendeu a nível global, nem o tempo da sua duração.

Este tipo de bug não é irrelevante

À primeira vista, este pode parecer um bug um pouco irrelevante que eventualmente se resolveu. Porém, há pessoas que podem ter bons motivos para eliminar o Facebook o mais rapidamente possível. Um bug deste género, ainda por cima com o Facebook a “ignorar” as reclamações, poderá colocar em causa a rapidez da exclusão da conta.

Este não tem sido um ano fácil para o Facebook. É mesmo o ano mais conturbado da sua história. Diversos bugs, vulnerabilidades de segurança e polémicas políticas tem vindo a colocar o Facebook nos holofotes das notícias pelos piores motivos.

Fonte: VentureBeat

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here