Evento Ford: Estivemos no Centro de Inovação da Ford, em Aachen

evento-ford-em-aachen-1

Fomos convidados pela Ford Portugal a estar presentes num “Workshop Innovation”, um evento onde houve demonstração de algumas novidades e apresentação do novo edifício de testes da empresa. E ficámos impressionados com o edifício.

Foi na “pequena” cidade de Aachan, no seu Centro de Inovação, onde a Ford aproveitou para demonstrar a alguns jornalistas europeus as últimas novidades em termos de inovação da empresa. Num evento que começou logo pela manhã, fomos divididos em pequenos grupos, onde podemos ver (e experimentar) algumas das futuras inovações da empresa e que estarão presentes nos seus carros nos próximos anos.

Vídeo

Fizemos um pequeno vídeo das várias inovações da Ford, que conhecemos em Aachen. Veja o vídeo:

Novo edifício em Colónia

evento-ford-em-aachen-16Começamos com uma pequena conferência onde houve um resumo do que iríamos conhecer nesse dia. O meu grupo começou com uma demonstração do edifício, com alguns slides e, também, com uma pequena demonstração em realidade virtual de uma das salas de testes automóveis mais interessantes.

Para começar, o edifício que se localizará em Colónia, estará preparado para testar os carros ao limite. Sim ao limite mesmo. Então:

  • Será simulado o calor estremo do deserto do Sahara (até aos 50º) ou o frio extremo da Sibéria
  • Será simulado ventos até 250 km/h, simulando um furacão
  • Haverá chuva intensa e neve
  • Humidade extrema
  • Altitude como se tivesse no Tibete, ou a caminho do Monte Everest.

A ideia é testar os carros ao limite, garantindo, assim, que os automóveis estejam em condições em qualquer parte do mundo. Um edifício que terá, certamente, muitas coisas que valerão a pena conhecer.

A construção do edifício iniciou-se em 2014 e a parte exterior do mesmo já está completa. O edifício deverá estar a funcionar na sua plenitude no final de 2017.

Outras opções de mobilidade

evento-ford-em-aachen-19Posteriormente, saltámos para outras opções de mobilidade. Não falamos de carros, mas de pequenas bicicletas elétricas e/ou hoverboards. Sim, a Ford aposta em outras opções de mobilidade e gostamos particularmente de uma, a pensar em pessoas de mobilidade reduzida. Mas já lá vamos.

Esta pequena demonstração/apresentação começou com uma bicicleta elétrica que pretende ser portátil e móvel quando necessário, sendo facilmente transportada num veículo.

Este protótipo da Ford permite ser uma pequeno veículo elétrico, sendo que poderá ser adicionado áreas de suporte para pequenas malas ou objetos para serem transportados, uma ajuda no transporte de produtos um pouco mais pesados ou para a nossa própria mobilidade. Como é um protótipo, não houve uma demonstração real, no entanto podemos ver como o produto será facilmente adaptado para as diversas situações.

evento-ford-em-aachen-18Seguiu-se o conceito que achei mais interessante nesta aposta da Ford na mobilidade: uma cadeira de rodas elétrica. Mas não pretende ser, apenas uma cadeira de rodas elétrica, é um produto que facilitará as pessoas de mobilidade reduzida. Quem tem este problema, sabe que há uma logística complicada, já que primeiro tem de se dirigir ao porta-bagagens, tirar umas muletas, colocar a cadeira no carro e com as muletas dirigir-se para o lugar do condutor.

Com este conceito, bastará entrar no lugar do condutor, utilizar uma aplicação no smartphone e a cadeira desloca-se sozinha para o porta-bagagens, o mesmo abre-se e coloca a cadeira dentro do mesmo. Infelizmente não tivemos uma demonstração deste conceito, apesar de já estar a ser pensado, mas parece-me uma opção bem viável e útil para quem precisa.

evento-ford-em-aachen-23Por último, conhecemos um “hoverboard” que está colocado no carro (no lugar do pneu suplente) e podemos retirá-lo quando precisarmos. Através de uma aplicação ligamos o produto e podemos colocar-nos em cima dele e funcionar como com qualquer hoverboard. Neste caso, também permite utilizá-lo para transportar alguns objetos, sendo que o produto segue o detentor de um comando.

Camuflagem

evento-ford-em-aachen-4Poderemos dizer que há inovação neste anúncio e que a camuflagem é importante nas marcas. Nomeadamente, quando lançam designs novos, mas que querem que estejam longe de olhares alheios, mesmo quando em testes no exterior, já que são necessários.

Para isso, a Ford procurou uma forma de encontrar um design que não permita ver as curvas do automóvel e lançou este produto.

As fotos perto permitem ver as curvas do carro, no entanto em movimento ou longe, não é possível vislumbrar o design do carro através do olho humano muito menos através de fotografia com o veículo em movimento.

evento-ford-em-aachen-28

Isto graças a este design que engana o “olhar”, que apesar de tirarmos fotos bem perto para percebermos estes stickers, vemos que em fotografias mais longe do produto torna-se mais difícil encontrar as saliências do carro e a perceção das mesmas.

Com o objetivo de camuflar o design quando a empresa está em testes no exterior com os seus carros, considero que este produto foi muito bem conseguido. Tudo através de stickers.

Sensores exteriores e ajuda na travagem

evento-ford-em-aachen-29Passámos para o exterior e deslocámo-nos para outro sítio com “mais espaço”, onde podemos experimentar algumas das tecnologias que poderão equipar os carros da Ford nos próximos anos.

O primeiro teste que fizemos foi numa situação que poderá prevenir muitos acidentes. Imagine que estacionou a viatura com a bagageira para a estrada e que duas viaturas comerciais de caixa fechada estão em ambos os lados, logo não tem qualquer visibilidade quando fizer marcha atrás. Este sistema permite parar em caso de perigo de colisão iminente, inicialmente com sistema sonoro de aviso e se o condutor não parar o carro, a viatura fará por si.

evento-ford-em-aachen-30Seguiu-se um novo sistema de aviso quando se entra em contra-mão, um sistema que poderá dar muito jeito em Portugal, mas pelo que parece também acontece muitas vezes na Alemanha. Este sistema utiliza vários sensores e cria uma “baliza” entre os sinais de proibido, sendo que o sistema avisa quando entramos nessa “baliza”. Neste protótipo, apenas há uma informação através de popup, no entanto quando chegar aos automóveis também haverá um sinal sonoro.

evento-ford-em-aachen-31Seguiu-se o teste que mais me custou a fazer, já que o cérebro não está preparado para isso: uma possível colisão. Normalmente, vários automóveis já têm sistemas para evitar a colisão, com travagem automática, no entanto a travagem pode não ser a decisão certa. Imaginemos que há a possibilidade de colisão, mas temos muitos carros atrás de nós e há oportunidade para desvio do carro da frente? Com este sistema, o sistema é inteligente ao ponto de perceber que estamos a desviar o carro do obstáculo e não trava totalmente, mantendo uma velocidade e após o desvio continuará a condução.

Neste teste apenas consegui testar isso corretamente à primeira, já que das outras vezes o cérebro não deixava aproximar o obstáculo o suficiente para conseguir sentir realmente o que ele faz, no entanto deu para perceber o objetivo deste sistema e que será útil.

Continuamos na rua com novidades no estacionamento

evento-ford-em-aachen-32Após estes testes, voltámos para a Ford e no parque de estacionamento tivemos a oportunidade de ver as novidades em termos de estacionamento automático, bem como nas câmaras traseiras.

Primeiro experimentámos o “novo” sistema de estacionamento. No ensaio de há dois anos ao C-Max, já tínhamos tido oportunidade de experimentar este tipo de estacionamento, mas neste caso é totalmente com mudanças automáticas, o que não é necessário fazer nada para estacionar o carro. A não ser carregar num botão, dando-lhe autorização para fazer o estacionamento.

Portanto, primeiro procurou-se o estacionamento, encontrado o lugar, carrega-se no botão e como tem mudanças automáticas, nem temos de alterar as mudanças nem de acelerar ou travar, como tivemos de fazer na C-MAX. Neste caso é tudo automático, sendo que o condutor apenas tem de manter o botão premido. Neste caso há mais. Além de estacionar, também sai do estacionamento sozinho, fazendo a parte de saída do estacionamento toda automática e assim que permitir a saída do carro, avisa que já podemos “tomar as rédeas”. Sem dúvida que os carros autónomos estão cada vez mais perto.

Depois passámos para outra situação de saída de estacionamento, onde voltamos à situação anterior de termos o carro estacionado num lugar com carros em ambos os lados que não permitem visibilidade. Neste caso, a câmara é angular e, se para estacionamento temos a visão normal, com os sinais no ecrã a indicar para onde irá o carro, agora permite que vejamos para os lados, conseguindo visualizar se está a aproximar-se um carro ou pessoas, permitindo uma saída do estacionamento em segurança.

Viajámos a convite da Ford Portugal

evento-ford-em-aachen-3Estas foram as inovações apresentadas pela Ford, sendo que algumas destas opções já estão presentes no mercado. No entanto, o que mais se destacou neste evento foi os novos stickers camuflados, que permitem esconder o design e é diferente do que temos visto até agora, da cadeira de rodas elétrica, que facilitará a vida das pessoas com limitações motoras, e, principalmente, o novo edifício de testes.

A parte exterior do edifício já está terminada e podemos ver um pequeno vídeo lapsetime. No entanto, só no final de 2017 é que as novas instalações estarão prontas e promete ser muito interessante.

Aproveito para agradecer à Ford Portugal pelo convite até Aachen para participar neste Workshop Innovation e conhecer as novidades da empresa. Segue-se uma galeria de imagens do evento:

Veja também...

Deixe o seu comentário