Evento Apple: pela primeira vez, vai poder acompanhar apresentação dos novos iPhones pelo YouTube

É já amanhã que a Apple vai anunciar os seus novos produtos, num evento marcado para ter iniciado às 18h de Portugal Continental, 14h de Brasília. Não há grandes dúvidas que o grande destaque são os novos iPhones, que, como costuma acontecer, deverá demonstrar uma alteração de design, tendo em conta o que temos visto das imagens divulgadas.

No entanto, há já uma novidade para este evento, a forma de transmissão. Há algum tempo atrás, apenas era possível acompanhar os eventos da Apple através de produtos da Apple, isto é, iOS, MacOs ou tvOS, sendo que mais recentemente, já começou a ser possível visualizar em direto os eventos da Apple em outros dispositivos, mas mesmo assim só através do Safari, o browser da Apple. Mas, pela primeira vez, a Apple decidiu abrir o evento a todos, disponibilizando o streaming através do Youtube.

Esta é a primeira vez que a Apple vai apresentar os seus novos iPhones com transmissão em direto no Youtube e demonstra mais um passo da fabricante norte-americana na abertura, algo que tem vindo a acontecer nos últimos tempos, sendo que os consumidores ganham, sejam os fãs da Apple, mas todos os que gostem de acompanhar o evento.

Lembro-me de, no meu caso em específico, para acompanhar os eventos da Apple, tinha de o fazer através do meu iPad, sendo que no meu Windows utilizava para escrever os artigos, mas o que é uma carga de trabalhos passar as imagens captadas do streaming para o meu computador Windows de forma rápida. Mas, felizmente para todos, a Apple está a mudar e, desta forma, já amanhã, pelas 18h, iremos saber todas as novidades sobre os novos equipamentos da Apple (Se é que ainda há alguma coisa para descobrir).

O que esperar dos novos iPhones?

A Apple poderá surpreender este ano com algumas novidades, sendo que poderão surgir três versões do iPhone 11. Até agora, temos o iPhone XR, que é uma versão mais barata, e temos a versão normal e a versão Plus. No entanto, a Apple poderá dar um passo diferente, separando, mais, os três modelos com configurações bastante diferentes.

Segundo os rumores, o sucessor do iPhone 11 e do iPhone XR continuarão no mesmo sentido, mas em vez do Max deverá surgir um iPhone Pro, com um tamanho maior, um ecrã maior, uma bateria maior e, possivelmente, câmaras melhores. No entanto, nos últimos dias surgiu uma possibilidade que poderá elevar o iPhone Pro a um novo nível e tornando-o num concorrente direto do Galaxy Note 10, a compatibilidade deste equipamento com a Apple Pencil, até agora disponível apenas no iPad Pro.

Esta informação foi sugerida por uma fabricante de capas que colocou esse espaço adicional na capa e que pode ser a grande surpresa da Apple para os novos iPhones, no entanto não é de descartar que esta compatibilidade esteja disponível em ambos os iPhone 11 e iPhone 11 Max, sendo que têm sugerido que os novos iPhones passarão, ambos, a ter a designação de “Pro”, como acontece com o iPad.

Além disso, espera-se que todos os equipamentos tenham o novo processador Apple A13, sendo que o sucessor do iPhone XR deverá ter “apenas” duas câmaras, enquanto os outros dois terão uma configuração de três câmaras.

No entanto, é praticamente certo que ainda não haverá uma versão 5G, sendo que isso só deverá acontecer em 2020, o que faz sentido, pois a conectividade 5G ainda é muito limitada a nível mundial. Também se tem falado da possibilidade de passar a haver sensor de impressões digitais no ecrã, no entanto, consideramos pouco provável, já que a Apple tem deixado este sensor de lado e focando-se no seu reconhecimento facial, o Face ID.

Já falta pouco para termos as confirmações oficiais, mas certamente que muito informação irá surgir até ao dia 10 de setembro, quando acontecerá a apresentação oficial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here