Em 2017, a Intel teve receitas em inteligência artificial de Mil Milhões de dólares

A Intel Corp anunciou na quarta-feira que vendeu $1 mil milhões de dólares em processadores para inteligência artificial no ano de 2017. Esta é a primeira vez que a empresa anunciou as suas receitas para esta área.

Com as vendas de computadores estagnadas, a Intel aumentou a sua dependência nas vendas para centros de informação e empresas, que muitas vezes providenciam poder de computação para outras empresas tecnológicas. Muitas das empresas precisam de inteligência artificial para os seus produtos.

Poderão as placas gráficas da Nvidia estar melhor preparadas?

Investigadores da área consideram que os processadores gráficos como os da Nvidia estão melhor preparados para “treinar” as inteligências artificiais do que as unidades centrais de processamento de informação, que são o principal produto da Intel.

Porém, a Intel afirma que os desenvolvimentos da sua tecnologia nesta área são claros. Num evento em Wall Street, Navin Shenoy, o chefe do centro de data da Intel, afirmou que os processadores da sua marca tornaram-se 200 vezes melhores ao longo dos últimos anos a treinar inteligência artificial. Este facto explica as vendas na ordem de mil milhões de dólares para os processadores Xeon em 2017, num total de receitas de $62.8 biliões.

As receitas poderão ser mais altas

Segundo a Intel, esta estimativa é feita “por baixo”. “Honestamente, provavelmente é muito mais alto. Nós deixamos muito fora das contas (da inteligência artificial) porque queríamos fazer uma estimativa conservadora”, referiu um porta-voz da Intel citado pela Reuters.

Um sinal de confiança nesta área

Agora que a Intel abriu o precedente de mostrar um número dedicado às vendas de inteligência artificial, é provável que os investidores voltem a perguntar por novos números a cada trimestre. Assim sendo, a divulgação destes dados acaba por ser uma demonstração de força da empresa, que se encontra confiante nesta sua área de investimento.

Fonte: Reuters

Veja também...

Deixe um comentário

avatar
  Subscrever  
Notificar de