Elon Musk tentou vender a Tesla à Apple, mas Tim Cook recusou a reunião

Musk tinha algumas objeções aos argumentos que a Apple tem algo que a Tesla não tem e referiu agora que ofereceu ao CEO da Apple, Tim Cook. a possibilidade de comprar a Tesla por 10% do seu valor atual durante os “dias mais sombrios” do programa Model 3.

Musk twittou na terça-feira algumas respostas a um artigo da Reuters que refere que a Apple está a avançar com os seus planos para o desenvolvimento de um carro eletrico sob o Projeto Titan e está já a olhar para a tecnologia de bateria de “próximo nível” que vai impressionar as pessoas da mesma forma que Steve Jobs fez com o primeiro iPhone.

A Tesla lançou o Model 3 com um preço inicial de 35.000 dólares ( cerca de 28.600€) em meados de 2017, mas falhou os seus objetivos iniciais de produção, a uma larga escala. No entanto, nos dois anos seguintes o Model 3 tornou-se o veículo eletrico mais vendido De acordo com a Reuters, a Apple planeia usar uma bateria de design “monocelular” única, e que lhe dá uma maior capacidade de embalar em material ativo e conseguir atingir distância mais longas.

A Apple também está alegadamente a explorar fosfato de ferro de lítio por causa da sua resiliência ao sobreaquecimento em comparação com as baterias de iões de lítio usadas em smartphones, portáteis e veículos da Tesla hoje em dia, e poderá a começar a fabricar um veículo em 2024.

Musk disse que seria “estranho, se é verdade” que a Apple estava a explorar estes materiais para a tecnologia de baterias e argumentou que o design monocelular era impossível. “A Tesla já usa fosfato de ferro para carros de gama média fabricados na nossa fábrica de Xangai”, escreveu Musk. “Uma monocélula é electroquimicamente impossível, já que a tensão máxima é ~100X muito baixa. Talvez funcionassem com células ligadas, como o nosso pack de baterias estruturais? O CEO da Tesla, Elon Musk, diz que a Apple teve a oportunidade de comprar a Tesla quando valia 60 mil milhões de dólares, ou seja, 10% do seu atual valor de mercado.

A Apple já poderia ter tido uma empresa de carros elétricos se tivesse aceitado a oferta de venda do CEO da Tesla, Elon Musk, durante a sua oferta de venda nos “dias mais sombrios” da iniciativa acessível do Modelo 3 da empresa. “Durante os dias mais sombrios do programa Model 3, contactei Tim Cook para discutir a possibilidade de a Apple adquirir a Tesla por 1/10 do nosso valor atual. Ele recusou-se a aceitar a reunião”, escreveu Musk.

Os comentários de Musk surgem dias depois de a Tesla ter aderido ao índice geral do S&P 500. A empresa tem agora uma capitalização de mercado com valor superior a 600 mil milhões de dólares, colocando-o perto do Facebook e muitas vezes mais valioso que a Ford e a GM, apesar de ter substancialmente menos entregas. Por outras palavras, Musk diz que a Apple teve a oportunidade de comprar a Tesla quando valia a pena, por apenas 60 biliões de dólares.

Fonte: ZDNet

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here