Disney + está a apostar numa subscrição com anúncios

O mercado de streaming tem vindo a crescer e a concorrência tem sido cada vez maior, com a Netflix, HBO e a Disney + a liderar, mas, ao mesmo tempo, a enfrentarem novos desafios para fidelizarem os seus clientes.

Depois de a Netflix ter anunciado uma subscrição livre de anúncios, a Disney + parece querer seguir esta receita que, segundo as empresas, será um sucesso. Esta notícia surgiu durante a conferência de divulgação de resultados do segundo trimestre da empresa, onde Bob Chapek, CEO da Disney + referiu que “expandir o acesso ao Disney+ a vários preços é uma vitória para consumidores e anunciantes”.

Ao contrário da Netflix, que tem vindo a perder de forma preocupante o número de subscritores, a Disney passa por um período de sucesso, com cada vez mais clientes. O caminho para adquirir cada vez mais clientes parece claro: apostar em plano baratos que vá ao encontro das possibilidades dos diferentes utilizadores.

De momento ainda não existem informações detalhadas se irão haver vários planos com preços distintos e quando é que será lançado, mas espera-se que chegue até ao final deste ano.

Entretanto, à semelhança da Netflix, também a Disney + também parece ter planos para começar a limitar a partilha de contas entre os seus utilizadores. A partilha de contas é uma prática muito usual entre os utilizadores de serviços de streaming, mas é possível que venha a ter os dias contados em praticamente todos eles, ou que pelo menos sejam seriamente limitados, uma vez que empresas como a Netflix, e agora a Disney Plus, parecem encarar esta prática como uma ameaça às suas receitas.

A partilha de contas permite aos utilizadores poupar imenso dinheiro em serviços desta natureza. E até há muito pouco tempo esta prática não era vista como um problema. Aliás, no passado a Netflix chegou mesmo a encorajá-la.

Fonte: Tech Crunch

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui