Didi é a empresa de transportes mais rentável do mundo

uber-china

Claramente inspirada no modelo da americana Uber, a Didi opera na China com uma app idêntica que partilha viagens de automóvel com motorista. Fundada em 2012, a Didi, tornou-se a empresa mais rentável do setor segundo avançou o jornal China Daily.

Só no primeiro mês de 2016, os serviços contratados à empresa movimentaram 800 milhões de dólares (735 milhões de euros), muito acima dos 600 milhões que o setor movimentou nos territórios dos EUA e Canadá, onde imperam as plataformas criadas pela Uber e pela Lyft.

A Didi viu o seu volume de negócios aumentar exponencialmente depois de ter expandido os seus serviços a mais 200 localidades de tamanho médio na China. Ao todo são mais de 400 cidades no país que contam com este serviço de transporte.

Em 2015, a população ‘online’ da China atingiu os 688 milhões de utilizadores, 90% dos quais acedem à Internet através de ‘smartphones’ e de outros dispositivos móveis. O valor de mercado da Didi estima-se em cerca de 16,5 mil milhões de dólares o que lhe garantiu entrada para o top de ‘start-ups’ com maior sucesso na China nos últimos 10 anos.

Entre a concorrência a Uber, que a operar na China, tem planos ambiciosos de expansão para mais de 100 cidades chinesas.

Tanto a Didi como a Uber enfrentam também na China a contestação dos taxistas tradicionais, o que graças à intervenção do governo obrigou em tempos recentes o bloqueio das apps de contratação de transportes com motorista por alegada prática de concorrência desleal.

Fonte: Channel New Asia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here