Cyberpunk 2077 vendeu mais de 18 milhões de cópias

Apesar de todos os problemas que assombraram o lançamento do Cyberpunk 2077, caracterizado por múltiplos bugs que acabaram por semear insatisfação entre os jogadores daquele que é um jogo que parecia ter todo o potencial para se revelar absolutamente espetacular, parece que a popularidade do título mantém-se, celebrando agora a venda de mais de 18 milhões de cópias em todo o mundo, ainda que a receção crítica tenha deixado muito a desejar.

Felizmente, e a contribuir muito positivamente para o número de vendas do jogo, todas as falhas e bugs que caracterizaram a versão inicial do mesmo têm vindo a ser corrigidas pela CD Projekt RED, impulsionando assim a sua popularidade. Como evidência disso, temos um número extremamente impressionante de cópias vendidas, dadas as circunstâncias.

Estes dados foram divulgados na sequência de uma reunião com os investidores da desenvolvedora Polaca, CD Projekt RED. No entanto, e ainda que estes sejam números muito satisfatórios para um jogo que parecia estar condenado ao fracasso devido a todos os problemas do qual se fez acompanhar no seu lançamento, a realidade é que estes são números baixos, em comparação com outros jogos desenvolvidos pela CD Projekt RED, como é o caso do The Witcher, que já ultrapassou as 65 milhões de cópias vendidas.

Vale a pena lembrar que os problemas iniciais em torno do Cyberpunk 2077 foram tão expressivos que levaram mesmo a Sony a removê-lo da Playstation Store. Todos estes problemas também conduziram a CD Projekt RED a um processo judicial que lhe custou 1,85 milhões de dólares.

Apesar de tudo, a empresa Polaca reportou um volume de negócios de 207 milhões de euros durante o ano de 2021, dos quais 49 milhões foram lucro, o que representa um resultado bastante satisfatório para uma produtora envolta em controvérsias no decorrer dos últimos dois anos. No entanto, não deixa de ser uma quebra acentuada face a 2020, ano em que contabilizou 268 milhões de dólares de lucro.

Fonte: VG247

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui