Cientistas inventam dente com sensor que monitoriza hábitos do paciente

sensor denteComer, beber, falar, fumar, tossir ou até respirar: um sensor implantado num dente inventado por investigadores de Taiwan regista todos estes dados relacionados com o movimento da boca, e guarda-os num computador ou smartphone. O dentista agradece!

Foi precisamente para ajudar os médicos a recolher informações sobre o comportamento e os hábitos alimentares e outros dos seus pacientes que os investigadores criaram este sensor. que pode ser instalado num dente artificial.

O dente, que tem a forma de um molar normal mas inclui um acelerómetro no seu interior, também pode ser usado, por exemplo, para ajudar pessoas com deficiências de fala ou até para melhorar a performance de cantores nos ensaios.

“Porque a boca é a porta de entrada para a saúde humana, este sistema sensorial oral tem o potencial de permitir a sua monitorização e aumentar os cuidados de saúde relacionados com a higiene oral, tais como a vigilância de uma dieta”, afirma o cientista da Universidade Nacional de Taiwan responsável pela investigação.

Durante os testes a oito utilizadores, o protótipo já existente (que por enquanto possui ainda um centímetro e tem de estar ligado a fios) recolheu e classificou as atividades orais com uma precisão de até 93 por cento.

O inconveniente deste molar artificial é que tem de ser retirado para ser limpo e para recarregar a bateria. No futuro, os investigadores esperam instalar tecnologia Bluetooth e Wireless para que possam comunicar à distância com smartphones e outros aparelhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here