Carregar um carro elétrico enquanto conduz? Já está a ser testado

Uma das grandes razões pela qual algumas pessoas não querem abraçar os carros elétricos é que eles acham que os EVs são inconvenientes. Há um grande período de tempo para carregar o automóvel, apesar de já começar a haver carregadores rápidos, e também porque a rede de carregamento é muito deficiente, por isso a possibilidade de carregar automóveis sem ser necessário o cabo de carregamento, isto é sem fios, é uma ideia que muitas fabricantes querem solucionar.

Por exemplo, a BMW já está a testar essa tecnologia, mas ainda num formato residencial, no entanto o ideal é que esse carregamento aconteça enquanto conduz. A KIA e a Jaguar já estão a testar essa tecnologia, a primeira desde 2018, enquanto a segunda testa a tecnologia com táxis elétricos, no entanto está a iniciar-se um plano que pode, relamente, levar esta ideia a bom porto, por parte do Departamento de transporte do estado de Indiana, a INDOT e já aprovado pelo departamento de transporte dos EUA.

Apesar de não ser uma ideia nova, a INDOT quer criar uma rede de carregamento sem fios nas estradas. Assim, pretende iniciar um programa piloto que terá um parte da calçada de 400 metros seja equipado com carregamento sem fio, permitindo que veículos em movimento e estacionados carreguem com facilidade. Não foram divulgados muitos detalhes, mas relatórios dizem que este será um projeto de três fases com as duas primeiras fases a serem concluídas antes que qualquer infraestrutura de carregamento sem fio chegue à estrada real.

blank

O que sabemos é que o INDOT está a trabalhar com a Purdue University e uma empresa alemã chamada Magment, que produz cimento magnético. A universidade executará a maioria das duas primeiras fases de teste e análise, que serão compostas principalmente de pesquisa e teste antes da fase três, que será a implementação da tecnologia testada numa via pública. Também ainda não foi divulgado onde é que este trecho de estrada “inovadora” será colocada.

Uma vez que esta ideia seja viável, será testado os painéis do Magment especificamente para caminhões pesados, carregando-os a 200 kW ou mais. Se tudo correr bem, uma seção maior da estrada em Indiana terá o primeiro lançamento mainstream, permitindo que automóveis elétricos, como um Volkswagen ID.4, carreguem as suas baterias em movimento.

Sem um cronograma para nada disso, é impossível dizer quando podemos esperar usar a tecnologia, e se será esta a tecnologia que será implementada, mas é encorajador que muitas empresas diferentes estejam a fazer avanços na inovação e procurem ideias de como é que podemos melhorar os carregamentos dos automóveis elétricos.

blank

Fonte: The Drive

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here