Cão de raça perigosa mata mulher em Matosinhos

Red Magic 6S
cão de raça perigosa
O cão de raça perigosa pertencia ao filho da vítima

Um cão arraçado de leão da rodésia e pitbull mordeu até à morte uma mulher de 46 anos em Matosinhos. O cão estava ao encargo da vítima mas pertencia ao seu filho e deixou ainda uma outra pessoa ferida.

Cristina Afonso estava desempregada e vivia com a mãe acamada e o filho de 20 anos e tinha ainda uma outra filha. O incidente ocorreu por volta das 21.40 horas na casa da vítima enquanto esta comia. O cão, de raça perigosa, pertencia ao filho mas encontra-se em casa da mulher de 46 anos. O cão tem pouco mais que um ano de idade e, ao ver-lhe ser negado um bocado do pão que a senhora estava a comer, abocanhou o pescoço da vítima e ferrou-a até à morte.

A mãe da vítima assistiu a tudo e telefonou a uma vizinha a pedir ajuda, que também nada pôde fazer para salvar Cristina Afonso. A senhora acamada nada conseguiu fazer para impedir o sucedido e teve que ser transportada em choque para o Hospital de Pedro Hispano depois de ter sido assistida pelo INEM.

“Só estava ela e a minha avó em casa. Foi a minha avó que ligou aos gritos para uma antiga vizinha, a Bela, a pedir ajuda. Quando eu cheguei, ela já estava morta”, contou a filha depois de chegar a casa da mãe. “Sei que ela estava a sair do quarto da minha avó e vinha a comer um pão. O cão fez-se ao pão, a minha mãe fez-lhe frente e ele atacou-a”, refere a filha, Patrícia, de 16 anos. Sobre o cão, diz que “tinha o vício de rosnar, mas obedecia muito bem a mim e ao meu irmão. Também não fazia mal à minha avó, mas não obedecia à minha mãe”.

O filho e proprietário do animal foi alertado pela irmã e decidiu regressar das férias no Algarve. O animal foi fechado na cozinha depois do incidente e foi recolhido pelos funcionários da SUMA, ao serviço da Câmara de Matosinhos, tendo sido abatido ao final da noite.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

7 COMENTÁRIOS

  1. Que “vírus” é este de se ter animais em casa e serem eles os donos???

    Quantas mais mortes é necessário haver até se proibir determinantemente certo tipo de raças altamente perigosas dentro de casa? Tudo tem o seu sítio certo e animais são animais… são todos mansinhos, tolerantes e não fazem mal a ninguém até ao dia…

    • certo tipo de raças altamente perigosas é dizer asneiras porque qualquer cão pode ser perigoso, se fosse um labrador ou pastor alemão ou serra da estrela não era noticia só as noticias sobre os “potencialmente perigosos é que vendem…

      • O que é ser perigoso? Para mim o problema não está no morder, mas sim no como e onde. Estes cães foram feitos para matar, e atacam sempre na cabeça e pescoço, matando sempre. Quandos cães mordem na cabeça? Se têm dúvidas procurem no google por imagens “pitbull mata” e vejam voçês mesmos, o seu serviçinho.

  2. Perigosas são as pessoas que não sabem como tratar um animal mais energico que necessita de espaço e exercicio. As pessoas têm de saber como ensinar os animais que são elas que mandam em casa. E não é com violência que isso se ensina, ou deixar o animal preso a um cadeado. Quem não tem essa capacidade não deve ter animais.
    E agora solução é matar o animal??? Em Portugal não se aplica a pena de morte para as pessoas que assassinam, mas já se aplica aos animais!!!! Sinto vergonha por certas leis que se aplicam neste país!!

  3. Bla bla bla e os cães isto e os cães aquilo epa nem sei que educação foi dada ao cão e isso que tambem conta muito! È claro que quando um cão assim morde faz mossa e as outras raças não tanto por esse motivo estes são sempre os falados mas se formos a ver a quantidade de pessoas que fazem mal aos cães e quantos cães fazem mal as pessoas ai é que se via a balança a tombar. Mas é verdade que as noticias sobre os potencialmente perigosos é que vendem!! Pq quando os outros mordem não aparece nada. Ainda não entendi foi como o cão lhe chegou ao pescoço…

  4. É de lamentar existirem pessoas, que querem os animais (neste caso cães) para os fazer sofrer! Que culpa teve o cão para ser abatido? Estes cães tem tendência para ser perigosos se forem educados para tal, porque razão o dono quis ter um cão arraçado de leão da rodésia e pitbull e não um rafeiro ou um Buldog Frances ? Tinha algum objetivo? Ultimamente, só se ouve de cães que morderam ou mataram alguém,e o final do cão… abatido…mas ainda não se ouviu que a autoridade investigou a causa de tal comportamento destes animais que dizem ser perigosos? Será mais fácil mandar abater para abafar alguma informação que não se possa saber e para depois os donos não serem punidos? Tanta legislação que o nosso país tem e ainda não existe uma lei que proteja o animal?

  5. olhem lá , uma pistola tambem nao é perigosa nem um canhao,no entanto é proibido te-las para prevenir o mal que podem fazer se a cabeça por detras nao tiver juizo…um cao é a mesma coisa e sim deviam proibi-los para prevenir este tipo de donos tenham outro tipo de cao..alguem fala nos labradores…idiota alguma vez viste uma noticia de um ataque de cao labrador ?? ao pescoço ainda por cima? outro fala de como o cao chegou ao pescoço… é dificil uma mulher ou mesmo um homem debilitado ser derrubado e nao conseguir fazer nada neste caso?..o abate é feito por falta de verbas que paguem a quem recupere o animal e para calar as opinioes vingadouras do povo …e o menino? nao é responsabilizado? diz a noticia que “resolveu” voltar do algarve ..tambem era melhor nao voltar …

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here