Bugatti Chiron chega com mais de 1500 cv

Bugatti Chiron (1)

Esgotados os hipercarros LaFerrari, McLaren P1, e Porsche 918 Spyder chegou a altura da Bugatti renovar a sua proposta com o estratosférico Chiron.

Revelado hoje em pleno Salão do Automóvel de Genebra, o Chiron tem mais de 1500 cv estabelecendo nova fasquia, depois do seu antecessor Veyron de 2005 ter derrubado a barreira dos 1000 cv nos automóveis de produção em série. Ou seja, uma diferença de apenas … 499 cv!

Bugatti Chiron (2)Se a potência impressiona à primeira vista, os dados técnicos do novo Bugatti Chiron também: motor com 8 litros de cilindrada e 16 cilindros em W! Este é o carro de produção mais potente da história.

Mas… coloquemos os pés na Terra, já que apesar do preço o novo Chiron tem produção limitada a apenas 500 unidades e que serão vendidas a 2,6 milhões de dólares cada. O fabricante adiantou que as primeiras 150 unidades estão já vendidas, o que representa um encaixe na ordem dos 390 milhões de dólares.

Se até aqui o Chiron já deixou toda a gente perplexo, abrindo os registos da performance ainda mais abismados ficamos: 420 km/h de velocidade máxima, aceleração dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,5 segundos, demorando apenas 6,5 segundos a atingir o dobro da velocidade (partindo da imobilização).

Bugatti Chiron (3)Viajando até ao interior encontramos uma escolha de materiais digna do preço a que é vendido o novo Bugatti. Por todo o habitáculo abundam materiais nobres como o couro, fibra de carbono e alumínio escovado. Em termos de segurança, o novo Chiron assegura os mesmos valores de rigidez estrutural do que os modelos da Audi que competem em Le Mans na categoria LMP1, assim como é o primeiro automóvel que conta com airbags incorporados em estruturas de fibra de carbono. Continuemos a sonhar, para um dia este ser o nosso automóvel do dia a dia!

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here