Boas notícias: Oppo e OnePlus não saem da Europa

A Oppo e a OnePlus, ambas propriedade da chinesa BBK Electronics, desmentiram os rumores de que estavam a planear abandonar alguns mercados europeus – em países como a Alemanha, França, Reino Unido e os Países Baixos.

“A Oppo e a OnePlus estão comprometidas com todos os atuais mercados europeus. Tivemos um grande início de 2023 com lançamentos bem-sucedidos de vários produtos na Europa e temos um catálogo de futuros produtos para o resto do ano. Como sempre, a Oppo e a OnePlus vão continuar a oferecer produtos mais inovadores e os melhores serviços da sua categoria para utilizadores”, pode ler-se no comunicado conjunto.

O boato por detrás da alegada saída da Oppo dos principais mercados europeus provavelmente remonta aos vários casos de violação de patente com a Nokia depois de os principais acordos de patente entre as duas empresas terem expirado em 2021. A Nokia levou a cabo vários processos judiciais contra a Oppo em julho de 2021 e ganhou casos em dois tribunais alemães que levaram à proibição da venda de telefones Oppo e OnePlus na Alemanha.

Após o seu sucesso legal na Alemanha, a Nokia processou a Oppo por violação de patente na Finlândia, Suécia, Reino Unido e Holanda e também abriu processos noutros países europeus e asiáticos.

Tendo em conta que a OnePlus lançou recentemente o OnePlus 11 e pondera o lançamento do OnePlus dobrável em 2023, seria realmente estranho para a empresa desistir destes mercados.

Ainda que alguns especialistas tenham ficado com a ideia de que as duas marcas poderiam equacionar uma saída do mercado europeu após o final de 2023, a OnePlus referiu que “continuará a investir na Europa”, indicando que não estão previstas mudanças de planos.

Estes desenvolvimentos não são uma boa notícia para a concorrência e podem trazer menos opções para os consumidores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui