Black Shark 2 já é oficial: a Xiaomi anuncia o seu novo smartphone gaming

O Black Shark 2 já é oficial com melhorias notáveis ​​no seu ecrã e na performance do equipamento. O novo smartphone da Xiaomi, através da sua submarca, anuncia o grande sucessor do equipamento gaming que irá voltar a mexer o mercado.

O novo ecrã é uma AMOLED de 6,39 polegadas da Samsung. Graças às otimizações, a latência foi reduzida para 43,5ms, o que é realmente bom para uma ecrã sensível ao toque. E é sensível à pressão, o Magic Press permite mapear botões para o lado esquerdo e direito do ecrã, que podem ser acionados pressionando-se o display com mais força. A força necessária também pode ser ajustada para níveis confortáveis, o que uma novidade muito interessante.

Há também uma ênfase na qualidade. O ecrã é, ainda, de 1080p mas tem suoorte para HDR. Para garantir a precisão das cores, há quatro sensores de cores claras que ajudam um processador de imagem dedicado a monitorar seu ambiente e ajustar o ecrã para o melhor conforto  possível do utilizador.

O brilho típico do ecrã é de 430 nits. O escurecimento DC completo evita o problema de cintilação em baixos níveis de brilho. Também há interpolação de movimento semelhante ao modo de alta taxa de quadros nas TVs (embora não esteja claro se o ecrã em si pode ultrapassar 60 Hz).

O Black Shark 2 possui duas colunas estéreo frontais, para que você possa segurar o telefone horizontalmente sem bloquear os alto-falantes e ainda usufruir de uma qualidade sonora imersiva. Isso é transportado para a configuração da antena em forma de X, que oferece uma recepção forte, independentemente de como segura o equipamento.

Naturalmente, o telefone é alimentado pelo mais recente Snapdragon 855, o topo de gama da Qualcomm. Um enorme sistema de resfriamento a vapor intitulado de Liquid Cool 3.0 promete uma temperatura de chipset 14 ° C mais baixa do que o normal. Há um add-on, o Cooling Case, que é uma capa com um ventilador que ajuda a dissipar ainda mais o calor, diminuindo a temperatura em mais 5 ° C.

Em termos de bateria, o telefone está equipado com uma grande bateria de 4.000mAh que suporta carregamento rápido de 27W, portanto também consegue carregar o equipamento de forma rápida.

Há uma câmera dupla na parte de trás, o módulo principal é um sensor 48MP Quad Bayer com pixels de 0,8 µm e uma abertura f / 1,75. A câmera secundária possui uma lente teleobjetiva 2x e um sensor de 12MP (1.0 µm pixels). A câmera selfie é um shooter de 20MP (f / 2.0, 0,9µm).

O Black Shark 2 já se encontra em. Pré-venda na China, sendo que o preço começa nos CNY 3.200 (420€) para o modelo 6 / 128GB e sobe para CNY 4.200 (550€) para a versão 12 / 256GB. Em ambos os casos, estamos a falar de armazenamento de RAM LPDDR4x e UFS 2.1. Está disponível uma nova versão de cor Frozen Silver, exclusiva para o modelo 8 / 256GB.

Black Shark também revelou o GamePad 3.0, que pode transformar o smartphone  em um console similar ao Nintendo Switch. Ele possui uma saída HDMI, além de controles de hardware em ambos os lados do equipamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here