As chaves dos carros pararam misteriosamente de trabalhar numa pequena cidade de Ohio

Um enigma perturbador que afetou dezenas de famílias na área de Cleveland finalmente foi resolvido, mas não antes de terem estado semanas sem conseguirem abrir as portas do carro e da garagem. No final de Abril, moradores da cidade de North Olmsted, Ohio, começaram a descobrir que seus comandos de chave de carro e de portas de garagem simplesmente pararam de funcionar ou funcionaram de maneira imprevisível quando funcionavam.

Às vezes, seria um dos dois comandos que não funcionariam, enquanto o outro funcionava. Em outras ocasiões, as portas dos carros podiam ser abertas com o comando quando estacionadas em outros lugares, mas se o veículo retornasse a North Olmsted, o comando não funcionava.

Um residente, Cory Branchick, achou que  o problema seria falta de pilha no comando, por isso recolocou-a mas o problema não foi resolvido – pelo menos quando o seu veículo estava estacionada na sua garagem. “Em qualquer outro lugar, quando vou para o trabalho ou quando vou ao supermercado, o comando funciona”, disse Branchick ao jornal local WKYC .

Enquanto dezenas de vizinhos em várias ruas próximas relataram o mesmo fenómeno, ninguém sabia o que estava a causar o mau funcionamento generalizado.

Alguns sugeriram que isso poderia estar relacionado com o Aeroporto Internacional Cleveland Hopkins, ou até mesmo um risco tecnológico relacionado a um centro de pesquisa da NASA na área.

Outros, incluindo autoridades municipais, sugeriram que o mau funcionamento poderia ter a ver com telecomunicações e eletricidade, enviando assim as suas próprias equipas para investigar o que poderia estar a atrapalhar os transmissores de rádio dos residentes.

“Não pode ser um pequeno dispositivo que está a causar essa interferência”, disse o vereador de North Olmsted, Chris Glassburn, na semana passada. “Nós realmente pensamos que seriam os utilitários”.

Apesar dessas suspeitas iniciais, uma intensa investigação porta a porta, liderada pelas autoridades locais, determinou que, na verdade, era apenas um dispositivo desonesto atrás dos transmissores de rádio da cidade.

O culpado, ao que parece, foi um dispositivo caseiro inventado por um entusiasta da eletrónica. Ele inventou um aparelho especializado para informá-lo se alguém estava no andar de cima de sua casa enquanto trabalhava no subsolo.

“Ele tem um fascínio pela eletrónica”, disse Glassburn num comunicado, descrevendo o inventor local anónimo – um indivíduo com necessidades especiais que não tinha ideia do dano que estava a causar na comunidade em geral, simplesmente devido à radiofrequência que seu aparelho operava continuamente.

“A maneira como ele inventou o aparelho, em que colocou um sinal de 315 megahertz, é que causou o problema mas não houve intenção maliciosa.”

Essa transmissão constante encravou efetivamente o sinal de rádio para dispositivos de rádio instalados em portas de carros e portas de garagem, que frequentemente operam na faixa de rádio de 315 MHz a 433 MHz .

É um pouco assustador pensar que apenas um dispositivo de rádio caseiro pode facilmente causar interrupções generalizadas nos equipamentos tecnológicos vizinhos mas, pelo menos para as pessoas de North Olmsted, a vida por enquanto pode finalmente voltar ao normal.

O aparelho inventado em casa foi identificado e desativado, disse Glassburn, acrescentando que não haverá mais interferência gerada por ele. “E o morador concordou em não fabricar esses aparelhos no futuro”, acrescentou Glassburn.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here