Apple vai partilhar a sua localização com os serviços de socorro nos EUA

Sem dúvida, uma importante funcionalidade que começa a ser adotada pelos sistemas operativos para smartphones e que poderá ser uma excelente forma de salvar a sua vida, quando precisa de telefonar para o 112, ou 911 nos EUA.

O objetivo desta partilha de localização com os serviços de socorro é para quem, desta forma, o socorro seja mais fácil de fazer já que eles vão saber onde se encontra, principalmente se telefonar para o número de emergência e não conseguir, por algum motivo, indicar onde está.

Há inúmeras situações que podemos imaginar que consiga telefonar para o número de emergência, mas não consegue falar ou dar a sua localização exata. Felizmente, nos EUA, os serviços já têm formas de encontrar a sua localização, seja através das antenas, do GPS ou dos hotspots Wifi, no entanto esta tecnologia não é nada exacta, o que, apesar de facilitar, mesmo assim não é perfeita e pode não ser suficiente para os serviços de emergência o encontrarem.

No entanto, e é uma verdade, estas chamadas são feitas na grande maioria por smartphones, dispositivos que têm GPS e que podem ser uma excelente ajuda neste sentido e é isso que a Apple quer fazer, aproveitar para quando fizer uma chamada para o número de emergência, partilhar a sua localização automaticamente, facilitando todos. Uma decisão onde todos saem a ganhar.

Esta novidade será introduzida com a próxima versão do iOS 12, através da RapidSOS, um protocolo de internet que partilha a localização de forma rápida e segura. Esta atualização deverá estar disponível para os dispositivos da Apple em setembro, altura em que também costuma apresentar os novos iPhones.

Também é normal que esta informação assuste alguns clientes, devido à partilha de informação, mas a Apple garante que a partilha de localização irá acontecer apenas e unicamente com os centros de emergência.

Infelizmente, isto está previsto apenas para os EUA, que até já têm uma regulação da FCC neste sentido, mas esperamos que, em breve, também haja novidades nesta área para o continente europeu.

Fonte: Apple

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here