Apple quer começar a reabrir mais lojas em maio

A Apple espera poder começar a reabrir muito mais lojas durante o mês de maio, num momento em que algumas medidas de contenção devido à pandemia de covid-19 vão começar a ser levantadas.

De acordo com um dos responsáveis pelos recursos humanos e retalho da gigante tecnológica da ‘maçã’, as questões de saúde neste momento estão a ser analisadas e a expectativa é de que muitas lojas possam começar a reabrir no próximo mês, dois meses depois dos estabelecimentos na China terem reaberto.

Segundo fontes anónimas, Deirdre O’Brien transmitiu esta informação a alguns funcionários numa reunião semanal que decorreu por videochamada e onde se debateu o momento atual.

“Continuamos analisando essa situação de saúde em todos os locais e espero reabrir muito mais lojas em maio”, vincou o responsável, sem especificar quais as lojas que poderão eventualmente começar a abrir primeiro.

Ainda assim, O’Brien referiu na mesma reunião que em princípio algumas lojas americanas já começam a reabrir no início do mês. Na China, onde a pandemia de covid-19 teve início, as 42 lojas físicas da Apple reabriram depois de terem fechado cerca de um mês devido ao novo coronavírus que, entretanto, se espalhou um pouco por todo o mundo.

O CEO da companhia norte-americana, Tim Cook, afirmou aos funcionários no início deste mês, numa reunião geral da empresa, que quando as lojas voltarem a abrir portas deverão implementar medidas de distanciamento social e de verificação de temperatura, além de possíveis testes de despistagem da covid-19.

Com a pandemia a afetar muitos setores e quase todo o mundo, algumas notícias dão conta de que a Apple vai atrasar cerca de um mês a produção em massa dos novos iPhones, habitualmente apresentados em setembro, o que pode significar também um atraso no próprio lançamento. Para já, a empresa ainda não prestou esclarecimentos oficiais sobre o assunto.

Fonte: AppleInsider

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui