Apple: novos processadores de gestão de energia em 2019

Ao que parece, a Apple está a tornar-se cada vez mais independente e como é obvio os seus equipamentos seguem essa mesma linha de raciocínio.

Um dos principais fornecedores do colosso americano, Dialog Semicoduntor, corre o risco de ver as suas linhas de produção sofrerem uma queda abrupta uma vez que, a Apple há já algum tempo que anunciou a intenção de criar os seus próprios processadores de gestão de energia.

Karsten Iltgen, analista da Bankhouse Lampe, alerta para esta intenção da Apple estar cada vez mais perto de se tornar numa realidade isto porque, parece que a marca tem já montados centros de design em Munique e na Califórnia onde tem vindo a desenvolver trabalhos por forma a criar um PMIC (Power Management Integrated Circuit) o qual, está previsto ser utilizado na linha de iPhone a lançar no ano 2019.

Concretizando este projecto e havendo possibilidade de continuidade do mesmo, a Apple irá com certeza reduzir as encomendas na Dialog Semicondutor. Esta é uma realidade negativa para o fornecedor uma vez que a Apple, neste momento, representa mais de metade da sua receita.

Resta-nos esperar por 2019, pelo menos, para verificar a qualidade desta nova linha de trabalho da Apple.

Fonte: IBTimes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui