APDSI volta a promover a realização das Olimpíadas Nacionais de Informática

Em 2021, Portugal voltará a marcar presença naquelas que são uma das seis olimpíadas mundiais da Ciência, tendo como aspiração a superação dos resultados da edição anterior.

Desde 2005 são já cerca de 900 alunos dos ensinos básico e secundário a oportunidade de participar nesta iniciativa. Para melhor consulta sobre o tema poderá consultar o site oficial do evento.

A equipa que representará Portugal nas Olimpíadas Internacionais de Informática (IOI) é selecionada através do concurso de informática designado por Olimpíadas Nacionais de Informática (ONI). A componente científica da prova é da responsabilidade do Departamento de Ciência de Computadores da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto e do Departamento de Engenharia Eletrónica e Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade do Algarve.

Olimpíadas da Informática

As Olimpíadas Internacionais de Informática – IOI, por sua vez, são uma das seis olimpíadas de Ciência, destinadas a estudantes do ensino secundário de todo o mundo. Esta iniciativa revela-se de grande pertinência, na medida em que motiva a participação dos jovens numa atividade complementar de grande interesse e de importância para o seu futuro.

As Olimpíadas Nacionais da Informática são organizadas pela APDSI – Associação para a Promoção e Desenvolvimento da Sociedade da Informação e contam, em 2021, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian, da Ciência Viva, da Everis Portugal e da Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Este ano, e como tem sido hábito, as ONI decorrem em duas fases: a primeira é um concurso realizado através da Internet, no qual podem concorrer todos os alunos do ensino secundário, e que consiste na resolução de três problemas de programação de natureza algorítmica, submetendo as suas soluções a um sistema de avaliação automático.

Os 30 concorrentes que obtiverem melhor classificação nesta prova preliminar passam à final nacional, que se realizará também online, no dia 8 de maio. Pelas limitações impostas pela pandemia do COVID-19, e tendo em conta as recomendações da Direção Geral da Saúde e do Governo, também este ano a Final Nacional e a Prova de Seleção serão realizadas online e não presencialmente.

Os concorrentes melhor classificados na prova final poderão ser selecionados para participar num estágio de formação, a realizar em junho de 2021, no final do qual serão escolhidos quatro elementos que formarão a comitiva que representará Portugal nas Olimpíadas Internacionais da Informática.

As IOI 2020 estão previstas para  Singapura, nos dias 20 a 27 de junho. Como plano alternativo, está também considerada a hipótese de a competição internacional ser realizada online, à semelhança do que ocorreu em 2020. De recordar que Portugal conquistou a 9.ª medalha de bronze na edição de 2020 das Olimpíadas Internacionais de Informática.

A primeira edição das IOI teve lugar em Pravetz, Bulgária, em 1989, com o apoio da UNESCO e desde então têm-se realizado todos os anos. O objetivo principal das IOI é estimular o interesse dos jovens – estudantes do ensino secundário – pela informática e pelas tecnologias da informação e os seus vencedores, em cada ano, pertencem ao grupo dos melhores jovens cientistas mundiais no domínio da Informática.

As inscrições são realizadas no sítio das Olimpíadas Nacionais de Informática em inscrever até às 23h59 horas do dia 29 de abril.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here