Anunciantes fartos da passividade do Youtube

Red Magic 3S

A Google divulgou na última quarta-feira que estava a desenvolver um conjunto de novas medidas com vista ao reforço da sua política para impedir que vídeos inapropriados chegassem ao público infantil – fato que se estava a tornara frequente na plataforma.

Mas as mudanças podem ter provocado efeitos colaterais como a queda de canais famosos e o temor dos anunciantes. “Nos últimos meses, notamos uma tendência crescente em torno do conteúdo no YouTube que tenta fazer-se passar por familiar, mas não é claramente. Embora alguns desses vídeos possam ser adequados para adultos, outros são completamente inaceitáveis. E é nesse sentido que estamos a trabalhar para removê-los do YouTube”, disse a empresa no blog oficial da plataforma.

Porquinha Peppa ou Super Homem são apenas duas das personagens mais afectadas. Nos seus vídeos aparecem, com frequência, banners com conteúdo sexual e violento. Contudo, as novas medidas estão de tal forma desajustadas que personalidades Mundiais no panorama televisivo viram as suas contas removidas. Foi o caso de Conan O’Brien ou de Miley Cyrus. Recorde-se que, segundo o The Times, a chocolateira Cadbury, o supermercado Lidl, o Deutsche Bank e a Adidas retiraram os seus anúncios da plataforma após saberem que estes eram exibidos em vídeos contendo pedofilia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here