Análise OPPO Pad Air: review a um tablet com excelente qualidade-preço

Houve um tempo na última década em que o mercado de tablets parecia caminha para o fim, com a desistência da maioria das marcas em produtos de qualidade e, os que viamos, eram em grande parte produtos de entrada.

A Apple e o iPad foram também responsáveis por isso pois, aconteça o que acontecer, muitos fabricantes de tablets Android lutaram para igualar o iPad em termos de estilo e substância. No entanto, o mercado evoluiu e os clientes também, e esta é uma nova década. Há “novos” fabricantes, melhor preparados e talvez suficientemente cautelosos para não repetirem os erros dos seus ilustres antecessores.

O segmento de tablets Android parece estar a descolar novamente com a ajuda da pandemia. Nos últimos cerca de 12 meses, foram lançados mais tablets do que vimos nos últimos anos, bem como de empresas diferentes que se iniciam neste segmento (pelo menos de uma forma global).

Uma das fabricantes que tem apostado forte no mercado é a Oppo, que além de vir a apostar em smartphones, decidiu lançar o seu primeiro tablet na Europa, o Oppo Pad Air, que analisamos hoje e, sem dúvida, que ficamos contentes por ver um produto com esta qualidade a chegar ao mercado.

Design e ecrã

Como o nome indica, o Oppo Pad Air é bastante leve e fino para o seu tamanho. Tem 6,94mm de espessura e pesa 440 gramas. Como tablet que é, em termos de design aproxima-se da concorrência, no entanto, tem um elemento de design que distingue-o da concorrência – a textura Sunset Dune 3D.

“A textura Sunset Dune 3D com brilho Oppo”, segundo a própria marca, que refere que a textura é parecida com as dunas, destaca-se na traseira do equipamento e permite distinguir mais facilmente de grande parte dos tablets que segue o estilo da Apple.

Em cima e em baixo, há dois altifalantes, fazendo uma configuração de quatro altifalantes. Além disso, há também uma porta USB-C na parte inferior e um botão de alimentação na parte superior. Entretanto, os botões de volume estão situados na extremidade direita.

Com um ecrã de 10,3 polegadas IPS LCD, o Oppo Pad Air está entre os tablets grandes no mercado. O painel de 10,3 polegadas tem uma resolução de 2K e afirma fornecer até 1 bilião de cores. O ecrã mostra cores vivas e permanece brilhante mesmo em exposição extrema.

O tablet conta com 60Hz, e como hoje em dia já muitos produtos têm 120 Hz, notamos a diferença, mas num produto que pode ser encontrado a menos de 300€, não se pode esperar especificações de topo.

Desempenho

A alimentar o Oppo Pad Air está o chipset Snapdragon 680 da Qualcomm, um chip de 8 núcleos de 6nm, acompanhado de 4GB de RAM e 64GB/128GB de armazenamento interno. Existe também uma opção de expansão da RAM, que acrescenta 3GB de RAM virtual.

Em geral, o chipset proporciona um bom desempenho, sendo que em situações em que puxamos pelo poder de processamento, não nos podemos esquecer que não estamos perante um processamento de topo. Por isso, não conte com um desempenho excelente se quiser jogar jogos pesados, mas é competente no geral.

O ColorOS for Pad do Oppo, uma versão optimizada do ColorOS 12, sendo um sistema bastante refinado, nomeadamente quando comparado com o que outras empresas estão a oferecer. Também se obtêm características como ecrã dividido e ligação multi-dispositivo. O sistema operativo da Oppo funciona com base no Android 12, o que é raro num tablet nesta gama de preço.

A configuração de quatro colunas do Oppo Pad Air impressionou-nos muito. Os altifalantes são bastante altos e impressionantemente claros pelo seu tamanho. A omissão da tomada de áudio de 3,5mm é algo que sentimos falta, já que é comum nos tablets nesta gama de preço, mas também percebemos que é uma tendência geral e, por isso, temos mesmo de nos habituar a utilizar auriculares sem fios.

As câmaras de 8MP e 5MP no verso e na frente são suficientemente boas para as videochamadas. Também se pode reforçar “boas” imagens com a câmara de 8MP à luz do dia, mas não tentar usá-la em condições de pouca luz.

Bateria

O Snapdragon 680, que é a razão do desempenho razoável do tablet também oferece uma boa duração de bateria.

A bateria de 7100mAh dentro do Oppo Pad Air fornece uma bateria de longa duração, na sua maioria um dia e meio de uso casual, que pode mesmo prolongar-se até dois dias se tiver um uso mais leve.

O tempo de carregamento é bom, já que o carregador de 18W leva entre uma hora e meia a duas horas para carregar completamente o tablet.

Veredito: Oppo Pad Air

É verdade que o mercado de tablets é um mercado difícil, até devido à grande influência que a Apple tem neste segmento que é, claramente, dominado por eles. Mas nestes preços, consideramos que a concorrência tem sido fraca, com poucos produtos de qualidade e, por isso, foi inteligente por parte da Oppo.

Em vez de “atacar” o mercado de topo, preferiu lançar um produto com uma boa qualidade-preço. Encontrará produtos mais baratos, mas sem a qualidade de som e de ecrã que a Oppo oferece no Pad Air. E ainda há a destacar o aspeto de design que a Oppo se destaca, em vez de fazer “igual” aos outros.

Com um preço inicial de 350€, a verdade é que facilmente encontrará este produto a preços inferiores a 300€, o que coloca o Oppo Pad Air numa boa posição para ser a sua opção, se procura um tablet com qualidade.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui