Análise óculos SmartTalk: realidade virtual feita em Portugal

Óculos VR SmartTalk (9)

Cada vez mais na moda estão os dispositivos de realidade virtual. Estes dispositivos, com ajuda de lentes e da duplicação da imagem no ecrã do telemóvel, permitem criar uma sensação de realidade aumentada. Já é vasta a oferta no mercado destes simuladores de realidade virtual, desde os dispositivos mais simples até aos mais complexos, como é o caso do equipamento comercializado pela Samsung.

É aqui que entra esta marca Portuguesa. Criaram os seus próprios óculos de realidade virtual de construção plástica, que pode ser usado por smartphones desde as 3.5″ até às 6″.

Leia a nossa análise e fique a conhecer esta solução Portuguesa para um mercado cada vez mais em expansão.

DESIGN E CARACTERISTICAS

Óculos VR SmartTalk (10)A primeira coisa que salta à vista é de que estes óculos não utilizam qualquer fonte de energia. Para criar o ambiente 3D de realidade virtual utilizam simplesmente as propriedades óticas das lentes, bem como a criação de uma câmara escura entre os olhos do utilizador e o ecrã do smartphone.

Outra aspecto notório é o volume que este óculos ocupam. Este volume traduz-se nas 330 gramas que os óculos pesam, peso esse que se sente numa utilização mais prologada. Ainda assim, consegue ser 50 gramas mais leve que o seu concorrente da Samsung. Tendo isto em consideração, a SmartTalk tornou a interface com o utilizador o mais confortável possível. A banda elástica permite um ajuste perfeito à cabeça enquanto que as almofadas que ficam em contacto com a cara permitem a criação de uma câmara escura quase perfeita, bem com garantem um ótimo conforto sem irritação para a pele.

Óculos VR SmartTalk (5)No que diz respeito às dimensões, achámos a profundidade um pouco excessiva, tendo 137 mm de profundidade. Este comprimento excessivo é notório dado que durante uma utilização mais prolongada, aumenta a sensação de peso.

São fornecidas umas borrachas autocolantes para serem coladas nos óculos, por forma a que, quando  smartphone estiver apertado no suporte dos óculos, os botões destes não sejam atuados. Julgamos que, a solução encontrada (utilização de borrachas) não é a mais prática por dois motivos: primeiro porque as borrachas não ficam bem coladas, dado que as paredes do suporte para o smartphone são demasiado lisas e segundo porque retira qualquer flexibilidade na utilização de múltiplos smartphones. Ainda assim, reconhecemos que é uma solução simples e que resulta.

Óculos VR SmartTalk (6)

Outro aspecto a nível de design que achamos que pode ser melhorado são os rasgos laterais. Fazemos uma critica a estes rasgos porque se torna complicado ligar os auriculares. Um único rasgo ao invés dos três mais pequenos seria o ideal, porque daria uma maior flexibilidade na ligação dos auriculares.

Abaixo fica uma lista das principais características destes óculos:

  • Sistemas Operativos Compatíveis : iOS, Android, Windows
  • Tamanho de Smartphones Suportados : 3,5 polegadas – 6 polegadas
  • Tipo de Óculos 3D : Polarizados
  • Ângulo de Visão : 78 – 80 Graus
  • Bateria : Não
  • Dimensões : 198 x 110 x 137 mm
  • Peso : 330 g
  • Acessórios : Pano de Limpeza, Borrachas para Botões do Smartphone, Manual

DESEMPENHO

Óculos VR SmartTalk (8)Para podermos utilizar qualquer óculo de realidade virtual,é necessário que se faça a separação do ecrã em dois. Para tal, foram utilizadas aplicações próprias para o efeito, descarregadas a partir da loja de aplicações da Google, mas que também estão disponíveis na loja da Apple.

Utilizando os botões para o efeito no topo dos óculos, ajustamos facilmente a distância focal que mais se adequa aos nosso olhos. Também a colocação do smartphone dentro dos óculos é fácil, utilizando a gaveta para o efeito.

Óculos VR SmartTalk (1)De um modo geral, o desempenho é bastante aceitável, sendo que a qualidade de imagem é bastante boa (tendo em conta que o smartphone utilizado para o teste apenas tem uma resolução de 720p.  A sensação de RV criada é muito boa, sendo que o alargado campo de visão em muito contribui para este facto. Sem dúvida que, utilizando um smartphone com uma maior resolução, com uma maior densidade de pixeis e com cores mais vivas, tornaria ainda mais vivida a experiência de realidade virtual.

A qualidade de construção sólida que estes óculos apresentam em muito contribuem para a boa experiência de 3D. São confortáveis e ergonómicos e ajustam-se muito bem aos contornos da cara.

VEREDITO: ÓCULOS VR SMARTTALK

Óculos VR SmartTalk (2)Apesar de algumas melhorias que ainda são possíveis de fazer no campo do design, principalmente no modo de fixação do smartphone e nos rasgos laterais para os auriculares, podemos afirmar sem dúvida de que estes óculos são uma excelente opção para quem procura experiências “virtuais”em casa.

São robustos, ergonómicos e a qualidade das lentes é muito boa. A câmara escura criada entre o smartphone e os olhos do utilizados também é muito bem conseguida. As almofadas colocadas entre os óculos e os olhos do utilizados são prova da preocupação com o conforto de utilização.

Pontos a Favor:

  • Qualidade de construção
  • Ergonomia
  • Flexibilidade no ajuste da posição das lentes
  • Qualidade das lentes
  • Qualidade da câmara escura

Pontos Contra:

  • Fixação do smartphone recorrendo a borrachas
  • Pouca flexibilidade na ligação dos auriculares ao smartphone

Agradecemos desde já à SmartTalk por nos ter fornecido estes óculos de realidade aumentada para o nosso teste. Estes óculos podem ser adquiridos no site da SmartTalk, sendo comercializados por 49.99 euros a unidade.

Abaixo fica a nossa galeria de imagens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here