Análise iOS 7: Maior mudança de sempre no iOS

24 de Outubro de 2013
244 Visualizações
12 Comentários

Análise-iOS-7-iPhone-5-iPad-miniDesde o anúncio do novo iOS 7 que a expetativa é grande. Sem dúvida que temos um design totalmente novo e que nada tem a ver com o antigo, mas será melhor?

Índice:

Compatibilidade
Design e Funcionalidade
Centro de notificações
Centro de Controlo
AirDrop
Multitasking
Fotografias
Siri
Câmara
Outras Alterações
Veredito: Análise iOS 7

Tal como Tim Cook disse na apresentação: “A maior mudança no iOS desde a introdução do iPhone“. Sem dúvida que esta frase dita pelo CEO da Apple espelha, exatamente, o que o iOS 7 trás de novo para os dispositivos móveis da Apple.

Após vários meses de testes, a Apple disponibilizou na passada quarta-feira, dia 18, a atualização do iOS 7 para o iPhone, iPad e iPod selecionados.

Para quem não acompanhou as novidades sobre o iOS 7 e foi “apanhado de surpresa” com esta atualização, após ter terminado deve ter pensado que lhe tinham roubado o seu anterior dispositivo e tinha sido colocado um outro no seu lugar. Tudo, desta vez mesmo tudo, sofreu alterações de design, desde pequenas coisas até a totalmente diferente do que estávamos habituados.

Apesar das várias mudanças, o grande destaque é a mudança de design presente no iOS 7, que foi liderado pelo Jonny Ive, que se apresenta muito mais colorido, mais jovem e mais limpo. Sem dúvida que esta mudança é o futuro da Apple nos dispositivos móveis, mas terá sido a mais correta?

Compatibilidade

Como tem acontecido no lançamento de novas versões do sistema operativo, nem todas as funcionalidades chegam a todos os dispositivos, bem como nem as últimas versões ficam disponíveis em todas os dispositivos. O iOS 7 chega ao iPhone 4 e superior, iPad 2 e superiores, e ao iPod de quinta geração. As funcionalidades também variam, mas o melhor é ver o quadro seguinte para ver o que o seu dispositivo pode estar a perder.

Análise iOS 7 compatibilidade

Design e Funcionalidade

análise iOS 7 (28)Esta é a maior alteração já vista no iOS 7 e bem que o sistema operativo móvel da Apple precisa. É que para quem não sabe, o iOS não sofria alterações de design há cinco anos e era, já, uma das grandes críticas ao iOS. É verdade que não se deve mexer muito quando se tem sucesso, mas já era bastante tempo com o mesmo design e essa era uma das críticas ao iOS 6.

Portanto, se não tem seguido as notícias sobre tecnologia e veio ter a este artigo porque não estava à espera deste iOS 7, deve estar chocado. Sim, a Apple mudou todo o design do iOS para uma versão muito mais colorida, terminando a cinzento dos anteriores iOS’s, mas mantendo o iOS intuitivo, mesmo para novos utilizadores.

Apesar de no início assustar tal mudança, já que a humanidade nunca gostou muito de mudanças drásticas, vai perceber, com o tempo, que o iOS 7 continua simples e intuitivo. A diferença é que está mais colorido, com cores muito mais fortes e mais dinâmico, que deve ficar perfeito no iPhone 5C.

análise iOS 7 (20)Todas as aplicações próprias do iOS 7 foram alteradas, desde a imagem da aplicação, até ao interior da aplicação. Apesar da mudança ser drástica, no geral, mudou para melhor. As aplicações já eram organizadas, mas estão ainda mais organizadas.

A funcionalidade do iOS 7 continua excelente, com algumas alterações. Por exemplo, quando entrava numa aplicação, ficava a ver a aplicação a abrir, agora a aplicação faz zoom e as outras aplicações “fogem” do ecrã.

É quase impossível de dizer todas as alterações de design, por isso colocamos todas as aplicações na nossa galeria de imagens. As principiais novidades serão explicadas durante o resto do artigo.

Centro de notificações

A central de notificações sofreu várias alterações, desde design até às imagens que surgem aí. Tornou-se mais num assistente pessoal ao estilo do Google Now, do que as anteriores ” informações por ler”. Agora tem as informações de quanto tempo demora até chegar a casa ou ao trabalho, do tempo, calendário ou quem festeja aniversário, que pode ser consultados em três abas: “Hoje”, “Tudo” ou “Por ver”.

Análise-iOS-7-Centro-de-notificações

Apesar de esta central de notificações ser bastante interessante a aba “Hoje” é como o Google Now, tem potencial, mas ainda continua muito pouco necessário para os utilizadores normais, como será menos utilizado do que se pensa. Claro que, como no iOS, está integrado no sistema operativo e sempre configurado para ser usado, acabará por verificar algumas vezes, no entanto, no geral, não irá achar um grande utilitário.

No entanto, a possibilidade de personalização desta central de notificações é excelente. Pode indicar quais as aplicações que pretende que utilize a central de notificações, bem como excluir de ser notificado de outras aplicações. Isto impede que seja bombardeado por algumas aplicações que só pretende utilizar de vez em quando.

Centro de Controlo

análise iOS 7 (22)Esta, sim, a maior e melhor alteração no iOS 7 e que muitos dos utilizadores já queriam há imenso tempo. O Centro de Controlo permite que possamos ligar ou desligar as mais variadas opções do iOS, tal como já acontece no Android há muitas gerações. Ligar ou desligar o Wifi, Bluetooth ou o modo avião. No iOS 6 e anteriores, tínhamos de navegar em três ecrãs, que agora temos disponível, apenas, deslizando o dedo de baixo para cima, ao contrário da central de notificações.

No Centro de Controlo poderá aceder ao Wi-Fi, Bluetooth, rotação do ecrã, “Não incomodar”,  AirDrop, Air Play e mais algumas aplicações mais “pequenas” como a calculadora, temporizador, câmara e lanterna. Também permite alterar as faixas de música e a luminosidade do ecrã, que antes também tinham de navegar em vários ecrãs até chegar a esta opção.

Esta funcionalidade é o principal ponto de destaque deste novo iOS 7 e, para quem nunca utilizou o iOS e sempre utilizou o Android, fica surpreendido ao saber que ainda não tinham esta opção.

Temos pena é que este centro de controlo não seja personalizado. Certamente que muitas pessoas pretenderiam tirar o Modo aviaõ para ter a opção do GPS, por exemplo, mas a Apple, para variar, não permite.

AirDrop

O AirDrop pode ser considerado um estilo de NFC já “vulgar” no Android e Windows Phone 8, mas utilizando o wifi. Com o AirDrop é permitido partilha os mais variados ficheiros com dispositivos que utilizem o mesmo wifi de forma rápida, coisa que antes, através do Bluetooth, demorava um pouco mais.

Esta funcionalidade já existia no Mac, no entanto só agora chegou ao iOS. Apesar disso, o AirDrop só funcionará em dispositivos com iOS e não poderá utilizar a mesma funcionalidade para enviar ficheiros para o Mac.

Multitasking

O multitasking também sofreu alterações para melhor. Toque duas vezes no botão home para encontrar as aplicações abertas no seu dispositivo e encontrará um sistema ao estilo do que encontra no Android ou Windows Phone 8. Temos a imagem da aplicação por baixo e uma pré-visualização por cima.

Análise-iOS-7-multitasking

Para fechar, também é fácil, basta “lançar” a aplicações para cima e é encerrada. Sem dúvida, que temos este estilo de encerrar aplicações em vários dispositivos Android, mas também é o mais intuitivo.

Fotografias

Análise-iOS-7-fotografias

A galeria de fotografias do iOS 7 também foi alterada, agora mais organizada por data ou zona de onde a foto foi tirada, já que o GPS está a maior parte do tempo ativo. Agora, as fotografias estão, principalmente, organizada por data, onde podemos fazer “Zoom out” para ver por data, coleções e, até, por anos.

Siri

O Siri também recebeu imenso melhoramento. Para começar, logo em termos de design recebeu uma atualizçaão mais colorida, ao estilo de todo o iOS 7 como seria de esperado. Mas o principal destaque do Siri é que, com estas alterações, deixou de estar em modo Beta.

Análise-iOS-7-Siri

Para começar, o Siri está muito melhor. Se quando fiz a análise do iOS 6 já me percebia muito bem, mesmo com a nossa pronuncia, agora parece que está, ainda melhor. Nos vários testes que fiz, sempre compreendeu tudo o que quis dizer.

A Apple também melhorou a fonte de pesquisa dos nossos pedidos ao Siri, usando o Bing como motor de pesquisa, a Wikipedia para fornecer mais informações e o Twitter, para podermos verificar tweets ou publicar um tweet, como já acontecia com o Facebook. O Siri também permite retribuir a chamada e aceder às mensagens do voicemail.

Câmara

análise iOS 7 (12)O software da câmara também sofreu algumas alterações, principalmente em termos de design, mas continua a não estar tão completo como um HTC, apostando mais no formato automático de fotografia.

Há novidades estão na forma como podemos alternar entre o vídeo, fotografia, fotografia em quadrado (ao estilo do Instagram) e do Panorama. A grande novidade é a introdução de filtros ao estilo do Instagram no software da câmara, que antes não tinha. Assim, permite uma personalização diferente às fotografias, de forma instantânea.

No entanto, em termos de qualidade da fotografia não verificamos qualquer alteração, que só deverá acontecer no iPhone 5S.

Outras alterações

As alterações são tantas que não é possível nomeá-las todas, no entanto há algumas aplicações que sofreram alterações dignas de registo.

O Safari sofreu algumas alterações no design, mas com destaque para a forma como se vê as abas no browser, também ao estilo do que já vimos em Android, com as ambas vistas em 3D. Também a pesquisa foi alterada. Enquanto no iOS anterior havia um terceiro ecrã no lado esquerdo para isso, agora basta deslizar o dedo de cima para baixo a meio do ecrã para aparecer o Pesquisar.

O iTunes Radio também foi lançado nesta versão do iOS 7, no entanto ainda não está disponível em Portugal, portanto não foi permitido analisar. Teremos de esperar que chegue a Portugal, se chegar, para que o possamos analisar. Também a análise ao Leitor de impressões digitais terá de esperar pela chegada do iPhone 5S ao nosso mercado.

Game Center é uma das aplicações que sofreu uma alteração total, de tal forma que se não soubesses qual a aplicação que é, seria impossível de chegarmos a essa conclusão. Outra novidade é a atualização automática de aplicação que é uma excelente funcionalidade adicionada, que na realidade também já existe no Android, mas muito importante para quem tem imensas aplicações que poupa tempo para as atualizar.

Veredito: Análise iOS 7

Análise-iOS-7-iPhone-5-iPad-miniSem dúvida que o iOS 7 é a maior mudança de sempre no sistema operativo móvel da Apple, confirmando o que disse Tim Cook na apresentação desta versão do iOS: “A maior mudança no iOS desde a introdução do iPhone”.

Sem dúvida que a alteração de design do iOS 7 é o que o sistema operativo precisava para acompanhar os concorrentes que já têm sistemas operativos móveis mais dinâmicos e atuais. As cores dão ao iOS um ar mais fresco e “jovem”, bem como uma inovação, que era o que a Apple estava a precisar. No entanto, é também verdade que muitos dos utilizadores não irão gostar desta alteração, mas acredito que se vão habituar rapidamente, até porque a fluidez desta nova versão é melhor.

Das funcionalidades adicionadas, a melhor é o centro de controlo, que já vinha sendo pedido pelos utilizadores e que os concorrentes também já têm há algum tempo. O centro de controlo é, certamente das funcionalidades adicionadas que mais utilizará e que mais fazia falta no iOS.

O que não pode ser aceitável é que algumas funcionalidades não sejam compatíveis com dispositivos anteriores. É compreensível que o leitor de impressões digitais esteja disponível só no iPhone 5S, mas os filtros da câmara, o modo panorama ou o AirDrop deveriam fazer parte do iPhone 4S ou iPad 3.

Basicamente, o iOS 7 é um novo começo da Apple no sistema operativo móvel. Poderemos, mesmo, considerar o primeiro produto de uma nova série de atualizações que só poderão melhorar com o tempo. Se deve atualizar? CLARO. As melhores e as novas funcionalidades são muito mais importantes do que os aspetos negativos e, acredita, rapidamente se habituará às novas cores.

Pontos a Favor:

+ Centro de controlo

+ Design colorido

+ Fluidez

Pontos Contra:

– Design pode não agradar a todos

– Funcionalidades incompatíveis com dispositivos anteriores

O iOS 7 já está disponível para download para os dispositivos iPhone 4, iPhone 4S, iPhone 5, iPad 2, iPad 3, iPad 4 e iPod quinta geração.

Artigos interessantes

O reconhecimento facial por trás do “Desafio dos 10 anos”
Internet
20 Visualizações
Internet
20 Visualizações

O reconhecimento facial por trás do “Desafio dos 10 anos”

João Pedro Souza - 19 de Janeiro de 2019

Durante a semana, o “10 years challenge” ou em tradução livre “desafio dos 10 anos” se iniciou no Facebook e…

Nova imagem do Galaxy S10 divulgada por Evan Blass/@evleaks
Destaques
33 Visualizações
Destaques
33 Visualizações

Nova imagem do Galaxy S10 divulgada por Evan Blass/@evleaks

Bruno Peralta - 19 de Janeiro de 2019

Certamente que se segue tecnologia móvel, há leaks mais credíveis que outros, já que quem divulga tem um passado com…

Robô para indústrias automóvel e aeroespacial vai ser testado no Porto
Gadgets
36 Visualizações
Gadgets
36 Visualizações

Robô para indústrias automóvel e aeroespacial vai ser testado no Porto

Daniela Azevedo - 19 de Janeiro de 2019

Chama-se ColRobot e vai ser apresentado e testado na próxima terça-feira, dia 22 de janeiro, às 10h30, no Porto. Trata-se…

Comente

O seu email não será publico