Análise Huawei P Smart 2020: Uma reedição com Serviços Google

Red Magic 6S

A Huawei é uma das principais fabricantes de smartphones, sendo que em Portugal conseguiu atingir um excelente primeiro lugar, algo bem difícil, já que a Samsung tem dominado o mercado durante os últimos anos. Mas as coisas começaram a piorar para o lado da fabricante chinesa que foi apanhada numa guerra comercial entre os EUA e a China e que com uma consequência brusca: a proibição de lançar novos smartphones com os serviços da Google.

Por causa disso, aplicações tão importantes como o Gmail ou o Chrome não vêm pré-instalados nos smartphones novos, mas a Huawei conseguiu encontrar uma “solução”. A forma que encontrou foi lançar os mesmo smartphones, já aprovados para utilização dos Google Services, com pequenas melhorias. E o Huawei P Smart 2020 é um desses casos.

O Huawei P Smart é um dos melhores equipamentos no mercado na gama de qualidade-preço e esta nova edição 2020 quer manter esta marca. Será que consegue? Uma coisa é certa, ter os serviços da Google é muito bom.

Vídeo Huawei P Smart 2020

Especificações

  • Dimensões: 155.3×73.5×8.2mm
  • Peso: 163g
  • Sistema Operativo: EMUI 9 baseado no Android 9 e os GMS
  • Ecrã: 6.21” , 2340x1080p 19.5:9, 60Hz, 480ppi
  • Câmara traseira: 13MP, abertura f/1.8 e um sensor de 2MP de profundidade
  • Câmara frontal: 8MP, abertura f/2.0
  • Processador: HiSilicon Kirin 710, Octa-core (4×2.2 GHz Cortex-A73 e 4×1.7 GHz Cortex-A53)
  • GPU: Mali-G51
  • Memória RAM: 4GB
  • Armazenamento interno: 128GB, expansível por MicroSD até 512GB
  • Dual SIM
  • USB: MicroUSB
  • Bateria: 3400 mAh

É um smartphone de gama de entrada que deverá custar uns 200€ (ainda não sabemos o valor para o nosso mercado), no entanto há um pormenor que gostaria de ver mudado: o USB. É que lançar smartphones com MicroUSB já não é aceitável. Mesmo em equipamentos de entrada, sendo que só “aceitamos” esta opção se for mesmo uma das razões para manter o equipamento com Google Mobile Services.

Design e Ecrã

Hoje me dia não há muito por onde inventar em relação aos designs dos equipamentos, no entanto temos de admitir que ficámos surpreendidos. Quando recebemos o smartphone pela Huawei, pensei que fosse pegar em mais um smartphones de entrada, mas não foi isso que aconteceu.

Aliá,s tenho de admitir que tive um sentimento agri-doce em relação à câmara, mas já passo por aí. O que mais me impressionou foi mesmo a cor, que a Huawei intitula de Aurora Blue, mas é um azul que impressionou e que chama a atenção. Tem um ligeiro gradient de azul mais claro para azul escuro e que me relembra designs de equipamento de topo.

Quanto à câmara, também gostei (e não gostei). Quando peguei, aquela grande área preta dos sensores fotográficos impressiona e dá um ar de equipamento de topo. Quando olho para esta área, dá uma intenção de resultados de topo, sendo que a referência “AI CAMERA” indica que a qualidade fotográfica será boa (E é, mas já lá vamos). No entanto, o P Smart 2020 volta a ter uma das coisas que mais me desagrada nos sensores fotográficos, uma grande saliência.

Mas mesmo grande saliência (o tal sentimento agri-doce), já que esta saliência comparo-a ao Huawei P40 Ultra. Há mesmo o risco de uma capa não cubra toda esta saliência… Sem dúvida, uma área que deveria ter melhorado. Há ainda que referir um sensor de impressões digitais na área traseira do smartphone e que funciona muito bem, como a Huawei nos tem vindo a habituar.

Em termos de ecrã, temos uma boa qualidade. Temos um notch de gota de água neste equipamento, com uma resolução de 2340x1080p e que garanta uma qualidade de visualização.

Apesar de não ser uns ecrãs de topo, oferece bons ângulos de visão e a representação de cores é bastante boa, bem como a visualização com luz extrema. A Huawei também disponibiliza algumas personalização em termos de software, o que permite alterar o tom, a temperatura das cores, a emissão de luz azul e até a própria resolução pode ser alterada, para poder ser ao melhor gosto do consumidor.

Desempenho

O Huawei P Smart 2020 não é um smartphone de topo, é um equipamento de entrada ou numa gama média-baixa, mas não é por isso que temos uma solução fraca para grande parte dos utilizadores. Utilizei-o durante vários dias como equipamento principal e o desempenho foi bastante satisfatório, oferecendo um desempenho suficiente para a minha utilização que é bastante intensiva.

Não fiz edições de vídeo, mas utilizei muito intensivamente para a gestão do site e de todos os trabalhos envolventes, bem como emails e redes sociais e o desempenho foi muito bom e cumpriu com o esperado. Não é algo que faça normalmente, mas acabei por experimentar alguns jogos e, nesse caso, o desempenho já foi mais dificultado. Portanto, se pretende a utilização do Huawei P Smart 2020 para jogos esperados, certamente que há outras opções (mais caras) no mercado.

Em termos de software, temos que admitir que quando experimentei o Huawei P40 Pro, fazem-me muita falta os Google Mobile Services, o que o simples facto de poder instalar todas as minhas aplicações que normalmente uso de forma fácil, é um aspeto positivo e não há como negar essa vantagem neste equipamento.

O EMUI também vai na versão 9 e oferece alguns extras em relação ao Android, sendo que considero uma interface intuitiva e fácil de usar.

Há ainda outro ponto importante, a bateria. A Huawei tem-nos habituado a oferecer uma excelente gestão de bateria nos seus equipamentos de topo, sendo que os equipamentos de média e baixa gama também têm verificado um grande melhoramento nesta área. E isso também acontece com o Huawei P Smart 2020.

Tenho uma utilização intensiva numa utilização de smartphone e este equipamento conseguiu aguentar-se um dia inteiro, terminando um dia com valores entre os 20% e os 10%, portanto bem no limite. Mas conseguiu, o que é importante. Infelizmente, este equipamento não conta com tecnologia de carregamento rápido, o que é uma pena, já que a tecnologia de carregamento rápido da Huawei é incrível.

Câmara

A Huawei é conhecida pela sua aposta nos sensores fotográficos dos smartphones, sendo impossível não relembrar-mos os excelentes resultados que os equipamentos da Huawei conseguem no DxOMark, a grande referência no teste das câmaras dos smartphones, sendo que na altura da criação deste artigo encontramos encontramos o Huawei P40 Pro e o Honor 30 Pro+ nos dois primeiros lugares do ranking.

E isso também se reflete em toda a gama de smartphones. Arrisco dizer que é difícil encontrar smartphones da Huawei à venda com qualidade fotográfica fraca. Hoje em dia, todos os smartphones, mesmo nesta gama de entrada, já consegue captar fotografias de qualidade mediana.

Obviamente que não esperamos que as fotografias com movimento ou com pouca luminosidade obtenham resultados espectaculares, mas em situações normais de fotografia, o Huawei P Smart 2020 portasse bem e cumpre com o que se espera.

Veredito: Huawei P Smart 2020

A Huawei tem um “problema” com os EUA difícil de resolver e então tem que se arranjar formas de “dar a volta por cima”. E consegue de forma original, já que com pequenas melhorias consegue oferecer uma reedição de um smartphone a um bom preço e um pouco melhor, que é o que acontece com o Huawei P Smart 2020.

Além de algumas diferenças no design, o Huawei P Smart 2020 agora tem 4GB de RAM e 128GB de armazenamento, com destaque para o aumento do RAM que fazia com que o modelo do ano passado tive um pouco de lag na transição entre as aplicações.

Uma das coisas que gostei foi do design, sendo que o Aurora Blue que testámos tem um gradient de azul muito bem conseguido e impressiona quando pegamos nele. Também não há como negar: um smartphone com as aplicações do Google é um ponto positivo, nesta nova fase da Huawei. Apesar do excelente design, não consigo gostar daquela saliência das câmaras e o MicroUSB também esperava que já tivesse sido substituído pelo USB-C.

Pontos a favor:

  • Design
  • Aplicações e serviços Google
  • 4GB/128GB

Pontos Contra:

  • Câmara saliente
  • MicroUSB

Desde já agradecemos à Huawei por ter disponibilizado o smartphone para teste. O Huawei P Smart 2020 está disponível no mercado português por 219€.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here