Análise de Lego Star Wars: The Skywalker Saga (XSX) — o melhor jogo LEGO de todos os tempos: Review

Foi no maior evento gaming do mundo, a E3 2019, que a famosa desenvolvedora TT Games, juntamente com a Warner Bros. Interactive Entertainment, revelou o seu próximo título Lego a chegar ao mercado, o Lego Star Wars: The Skywalker Saga, que segue os passos dos múltiplos títulos Lego já lançados para o mercado por este grande estúdio.

Agora, após uma longa espera silenciosa de três anos, um dos jogos mais divertidos e aguardados de sempre chega finalmente aos consumidores e fãs do estúdio e de Star Wars, prometendo entregar a todos uma aventura extremamente engraçada e de cortar a respiração numa galáxia muito distante.

Nesta análise irá ser avaliada a versão Xbox Series X do título, que foi jogada numa Xbox Series X, onde iremos classificar entre 0 e 10 valores vários aspetos importantes a considerar do título, sendo estes a narrativa, as personagens, a jogabilidade, a ambientação e a qualidade gráfica e desempenho, dando no final o veredito, que tem por base os aspetos já referidos.

Narrativa — o retorno de uma das maiores Sagas de sempre

Com a chegada deste novo título Lego temos o retorno de toda uma narrativa com 45 anos de idade que passou por inúmeras gerações de fãs e que revolucionou a industria do cinema para sempre, não só com o seu conceito único mas também com as novas técnicas que introduziu no cinema.

A trilogia original de Star Wars, do Ep. IX ao Ep. XI, foi a mais bem sucedida é considerada a melhor das três e, por curiosidade, foi o primeiro título Lego da Star Wars feito pela TT Games, que retrata essa mesma trilogia, que salvou o estúdio de ir à falência e fez deste aquilo que é hoje.

Podemos dizer que o novo Lego Star Wars: The Skywalker Saga é o verdadeiro título Star Wars do estúdio pois junta todos os jogos Lego Star Wars já lançados pela TT Games, porque une todos os nove filmes da trilogia num único jogo, o que faz melhor de sempre, apesar de não ser o mais clássico.

A evolução do motor gráfico da TT Games, que já está muito sobrecarregado e por isso este é o último título do estúdio a usá-lo, permitiu ao mesmo dar mais vida e cor à aventura que é Star Wars, entregando uma narrativa mais sólida e fiel aos fãs, comparativamente aos jogos passados.

Da mesma forma, esta é também a narrativa mais engraçada e divertida do estúdio pois, como sabemos, os jogos Lego são sempre cheios de piadas e diversão, sendo este o que apresenta muitos mais momentos engraçados e que agora, com a possibilidade de ver as personagens falarem, mexerem a boca e terem inúmeras expressões faciais e animações permitem elevar este sentido de diversão a todo um novo nível que todos vão adorar.

Apesar disto, no final do dia, a narrativa deste novo título é a narrativa de Star Wars e, apesar de muito fiel aos filmes e ter inúmeros momentos icónicos dos mesmos, o que é fantástico e de louvar, contém também momentos e histórias não tão adoradas pelos fãs como as dos Ep. XII/XIII/IX que arruínam a franquia, pelo que, apesar de este título marcar um retorno de uma das maiores Sagas de sempre, perde-se um pouco com estes últimos três filmes, pelo que dou 8/10 valores à narrativa do novo título da TT Games.

Personagens — a coleção está finalmente completa

Star Wars é uma das maiores e mais bem sucedidas franquias do mundo do entretenimento e, como tal, esta apresenta uma longa coleção de personagens, umas mais adoradas que outras, que não podiam deixar de marcar presença no maior título Lego de todos os tempos.

Neste maravilhoso jogo vamos encontrar praticamente todas as personagens presentes no vasto universo da saga, sendo estas um total de 350 personagens para quem comprou a versão base do título e 400 para quem adquiriu a edição deluxe do mesmo. Desta forma, pode-se já afirmar que a coleção está finalmente completa e que todos os jogadores podem jogar com quem quiserem da galáxia distante.

Durante a campanha do título, os jogadores poderão jogar e desbloquear todas as personagens principais dos nove filmes, assim como todas as que apresentam um papel mais secundário nos mesmos. Ao mesmo tempo, os jogadores podem ainda desbloquear inúmeras personagens usadas apenas para dar vida aos cenários dos filmes e, com é óbvio, jogar com as mesmas.

Desta maneira, todos podem formar as equipas mais incríveis e, ao mesmo tempo, as mais estranha e invulgares de sempre e explorar a vasta galáxia do título com as mesmas, podendo combinar personagens de diferentes trilogias, como jogar com o Obi-Wan Kenobi do Episódio III e o Darth Vader do Episódio VI, por exemplo.

A possibilidade de juntar personagens de diferentes épocas é, para mim, um toque de mestre adicionado ao título pela TT Games pois, consoante a história de cada uma e a narrativa que estas vivem no universo de Star Wars, estas terão diálogos únicos entre si que refletem os eventos dos filmes. Por exemplo, se juntarmos o Darth Vader e o jovem Anakin Skywalker, o rapaz vai comentar que a armadura de Vader é fantástica e perguntar como pode ter uma e, Vader responderá dizendo que basta apenas ter paciência, pois Anakin Skywalker é o Darth Vader.

Ver estas interações entre as múltiplas personagens do universo espacial é simplesmente incrível e brutal, deixando qualquer um a rir com as inúmeras interações únicas que vão encontrar durante a sua aventura pelo título. Para além disto, as personagens têm ainda inúmeras animações super divertidas e, todas as suas mecânicas estão muito bem concebidas, pelo que fazem destas as melhores de sempre.

Conseguirem mexer a boca e terem os visuais muito mais realistas e fieis aos filmes e séries do universo Star Wars é também outra das razões pelas quais estas estão simplesmente muito bem concebidas e são de cortar a respiração, fazendo deste título o melhor da TT Games.

A única razão pela qual atribuo 9/10 valores às personagens do novo Lego Star Wars: The Skywalker Saga é o facto de 50 das 400 personagens, como as da série Star Wars: The Mandalorian ou Star Wars: The Bad Batch, estarem bloqueadas por um pagamento extra e ainda o facto de haver personagens das quais não sou um grande fã e as quais não apresentam grandes diálogos ou animações mas, mesmo assim, a coleção não deixa de estar completa.

Jogabilidade — a mais divertida e impressionante até agora

Apesar de ser um título totalmente novo, Lego Star Wars: The Skywalker Saga é, como se pode perceber, a evolução lógica dos anteriores títulos da TT Games e, como consequência, este sente-se muito como os outros títulos, principalmente os restantes jogos Lego Star Wars. Tal como neste último título e em toda a coleção, todo o jogo se desenrola exclusivamente na 3ª pessoa, e vai dar a muitos uma sensação de nostalgia, mesmo para quem nunca jogou um clássico da Lego.

Durante todo o título, os jogadores passarão a maior parte do seu tempo a combater inimigos e a explorar as vastas áreas que os rodeiam, seja para encontrar peças, explorar todo o tipo de áreas clássicas dos filmes ou simplesmente para apreciar as fantásticas paisagens que os rodeiam.

Para aqueles que estão habituados a jogar um título Lego, dominar a jogabilidade do novo Lego Star Wars: The Skywalker Saga não será um problema pois esta é bastante semelhante à dos anteriores títulos da franquia, como já referi, o que vai deixar muitos empolgados por jogar este novo jogo.

Desta forma, movimentos e animações como andar, correr, saltar e rebolar são idênticos mas, apesar disto, estes estão muito mais modernos e evoluídos. A TT Games conseguiu elevar o seu motor gráfico a um novo nível com este novo título, mostrando ao mercado que até um jogo da Lego pode ter uma jogabilidade complexa e bastante moderna, realista e divertida, o que faz desta a melhor que o estúdio já concebeu até hoje.

Ao mesmo tempo, a TT Games trouxe novidades excelentes que melhoram significativamente a sua jogabilidade, uma das mais icónicas da indústria gaming, como novas animações, movimentos e ações, assim como inúmeras mecânicas novas que fazem tornam esta icónica jogabilidade ainda melhor.

Desta forma, falta-me apenas atribuir à maravilhosa jogabilidade de Lego Star Wars: The Skywalker Saga, ao continuar a ser a icónica jogabilidade da TT Games, mas agora muito mais complexa e divertida para todos, o que torna toda experiencia deste novo título para todos os jogadores ainda melhor.

Ambientação — uma galáxia de cortar a respiração

Uma das grandes apostas no desenvolvimento do novo Lego Star Wars: The Skywalker Saga foi a ambientação e os cenários do título. Este incrível jogo passa-se numa galáxia muito distante, e, como tal, este tem de ter presente uma ambientação simplesmente fantástica e incrível que seja capaz de nos levar ao universo de Star Wars, assim como ser bastante fiel ao mesmo.

Durante o título vamos pisar inúmeros mundos, todos os presentes na Saga de filmes Star Wars, o que fazem desta ambientação uma das mais diversificadas que já vi, pois não existem lugares iguais neste título e, cada um deste está cheio de cor e vida, o que faz deste título um dos melhores que já joguei.

O universo de Star Wars é bastante vasto e dinâmico e, como tal, o novo Lego Star Wars: The Skywalker Saga não foge à regra. Tão depressa estamos em num Imperial Cruiser a lutar contra Stormtroopers no Episódio 4 como em Tatooine a explorar o seu vasto e misterioso deserto. Visitamos grandes cidades, como Naboo, e grandesnaves espaciais neste título, assim como enormes florestas e regiões geladas, por exemplo, que nunca mais acabam e todos os cenários que as constituem são fantásticos e têm uma vida imensa, o que dá prazer em lá estar e faz quase parecer que estamos dentro dos filmes.

Todos os cenários presentes neste título são de uma riqueza extrema e variam bastante, podendo mudar de um instante para o outro, consoante o rumo dos jogadores. Estes podem alterar a forma como os jogadores se deslocam nestes e podem até mesmo ser mortais, o que obriga aos mesmos a prestar atenção. Isto torna a ambientação deste título ainda mais fantástica e dinâmica.

Para além disto, as próprias arenas ou zonas de combate são simplesmente fantásticas. Estas próprias são também mortais e têm inúmeros elementos que os próprios jogadores podem usar para dar a volta combate, podendo explodir certas zonas ou atirar objetos a inimigos, algo que já vimos muito no Mortal Kombat. Isto faz também com que o próprio combate do jogo seja mais rixo, oque é brilhante e fantástico.

Desta forma, tenho apenas a acrescentar que a ambientação do novo Lego Star Wars: The Skywalker Saga é simplesmente fantástica, o que faz qualquer um ficar agarrado a este título sem parar, o que me leva a atribuir 10/10 valores a esta categoria, por esta galáxia ser de cortar a respiração.

Qualidade gráfica e desempenho — melhores só mesmo as de PC

Antes de passar para o veredito, é ainda necessário falar acerca da qualidade gráfica e do desempenho do novo Lego Star Wars: The Skywalker Saga. Antes, estes não eram pontos muito fortes numa análise mas, como hoje as consolas estão cada vez mais evoluídas é necessário avaliar o seu desempenho.

Começando pelo desempenho, é de referir que a nova Xbox Series X apresenta um CPU AMD Zen 2 com 8 Cores, uma GPU AMD RDNA 2 com 12 TFLOPS, assim como 16 GB de memória RAM GDDR6, pelo que apresenta capacidade para rodar este jogo ao mais alto nível de performance sem problemas.

Desta forma, é de referir que, tanto a 1080p como a 1440p, o título da TT Games rodou sem quaisquer problemas a 60fps com gráficos deslumbrantes e de cortar a respiração, como era de esperar, mas mesmo assim a qualidade gráfica podia ser superior e a performance podia perfeitamente estar desbloqueada para os 120 fps, o que é uma pena mas, mesmo assim, não faz com que o jogo esteja mal otimizado para a consola.

Passando agora para os modos [email protected] e [email protected], tenho a comentar que ambos estão muito bem concebidos. O [email protected] apresenta uma qualidade gráfica simplesmente sublime e mantém os 30fps muito bem, tendo apenas algumas quedas mínimas de 1fps raramente, e o [email protected] apresenta também uma qualidade gráfica de cortar a respiração, apesar de que menor do que a do [email protected], e uma jogabilidade muito fluída e sem quaisqur quedas a 60fps, o que mostra a excelente otimização do título para a nova XSX.

Juntamente com a magnífica e impressionante ambientação que já vimos mais acima, a qualidade gráfica fica ainda mais bonita e extraordinária. Todos os cenários e elementos dos mesmo não apresentaram quaisquer faltas de renderização durante a minha gameplay, tenha esta tido muitos ou poucos elementos no meu campo de visão, o que também revela que o título está muito bem polido neste aspeto.

Apesar disto, é óbvio que, enquanto que a Xbox Series X se revela uma potente máquina para rodar o título Lego, a plataforma PC continua a ser aquela que, tanto em 1080p como em1440p e 4K, continua a oferecer um melhor desempenho juntamente com uma maior e superior qualidade gráfica, apesar da incrível que observamos no sistema XSX, o que me leva a atribuir um 8/10 valores a este tópico, também pelas razoes acimas referidas.

Veredito — o melhor jogo LEGO de todos os tempos

Após uma longa espera em silêncio de três anos e um anúncio que empolgou muitos na E3 2019, Lego Star Wars: The Skywalker Saga é de facto um dos melhores jogos já lançados para o mercado gaming e, definitivamente o melhor e mais ambicioso título da TT Games, continuando a manter a tradição de oferecer aos jogadores aventuras divertidas e fantásticas das suas franquias favoritas, como Star Wars.

Este jogo fez-me ficar colado ao meu monitor horas a fio pela sua maravilhoso e extensiva galáxia, assim como pela sua dinâmica e fluída jogabilidade, e também pela diversão de reviver toda a franquia Star Wars de uma forma mais divertida, algo que não trocava por nada neste momento.

Finalmente, gostava de agradecer, em especial, à Upload Distribution que representa a Warner Bros. Interactive Entertainment em Portugal, tendo permitido a possibilidade de poder jogar e analisar este fantástico título, do mesmo modo que congratular a TT Games por este título bem conseguido e que foi, para mim, o melhor que já produziram até aos dias de hoje.

Obviamente, não poderia deixar de pontuar este jogo desta forma, assim como recomendá-lo a todos, principalmente aos fãs do estúdio e da Lego, que não se arrependerão de o jogar, sobretudo por este jogo ter presente todos os elementos presentes em toda a série já trazida ao mercado pela TT Games.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui