Análise de eFootball PES 2021: Season Update — idêntico ao anterior

PES 2021 é o mais recente título produzido pela Konami Digital Entertainment, e da responsabilidade da distribuidora, a Konami, apresentando-se como uma atualização da passa temporada de PES 2020. A pandemia de coronavírus trouxe diversos problemas a inúmeras equipas de desenvolvimento. O trabalho à distância nem sempre funcionou em grandes empresas — por muito estranho que isso possa parecer. Não apenas a Konami sofreu deste problema, também a EA Sports enfrentou problemas com os seus jogos.

É visível o esforço em conseguir manter o desenvolvimento e normalidade — quase impossível — dentro da indústria dos videojogos. A produtora, a Konami, publicou o seu mais recente título ou, atualização (como parece ser, “Season Update”) encontra-se à venda por 29,99€, substancialmente mais barato do que outras edições da série futebolística nipónica. Além do preço incrivelmente mais baixo, os proprietários de PES 2020 usufruem ainda de 20% de desconto adicional na atualização para PES 2021.

Vale o valor para atualizar para eFootball PES 2021: Season Update? Talvez, mas só se for um fã tremendo da franquia, ou se não tiver adquirido PES 2020 ou 2019. Gráficos? Pouco melhoraram? Jogabilidade? Essa já era sofisticada, mas parece que continua no bom caminho. Existem algumas imagens novas, mas nada demais a acrescentar. Confira a nossa análise e veja aquilo que acha que pode ter interesse neste novo título.

Licenciamento mais completo

Face ao contexto enfrentado, a atualização de época (desde o PES 2020) para o PES 2021 manteve muitas das implementações feitas para o título anterior, no entanto, a Konami optou por apostar ainda mais no licenciamento dos mais diversos campeonatos, entre eles, o Euro 2020 que conta com incontáveis seleções — todas elas licenciadas para acompanhar a atualidade.

Parte deste novo eFootball PES 2021, estão também novos treinadores que acompanham as suas equipas, entre eles, Josep (“Pep”) Guardiola que treina o Manchester City. Equipas como Bayern de Munique, Juventus de Cristiano Ronaldo e o Barcelona são apenas algumas das muitas equipas presentes em PES 2021. Parece que desta vez, FIFA não levou a melhor na monopolização das licenças de diversas equipas — que parece que tem sido um desporto muito intensivista da Electronic Arts. O Inter de Milão não faz parte desta nova atualização do Pro Evolution Soccer.

Este é o último jogo da série a contar com o atual motor gráfico, pelo que se não possuí nenhum dos últimos dois títulos da série, pondere aproveitar o valor de 29,99€ para o adquirir. O licenciamento pode ser um excelente atrativo para poder usufruir do estilo de jogo que é a essência de PES, que desde sempre apostou num estilo que equilibra entre o realismo e o modo árcade — com a conjugação entre falhas forçosas da dificuldade (em situações mais realistas) e aqueles remates que só em jogo.

Jogabilidade

PES 2021, em geral, consegue extrair o que de melhor se fez com o seu antecessor, nomeadamente, ao nível da experiência de jogo. O realismo, as mecânicas de remate, defesa, cruzamento e receção são as mesmas — e deixem-me que vos diga, sinceramente, prefiro as de PES a FIFA, mas isso seria estórias para outro serão.

A “hibridização” do estilo de jogo em PES, permite que treine a sua habilidade de competir contra a inteligência artificial em jogo, quer ao ataque como à defesa. É substancialmente mais complicado defender alguns dos oponentes com que somos brindados. Até aqueles jogadores cujo rank e pontuação são inferiores parecem ganhar uma força extra que nos ultrapassa completamente – chegando ao golo, quase inexplicavelmente.

O ano de 2019 foi importante para a série Pro Evolution Soccer aquando da procura de um equilíbrio entre o que é a diversão de jogar um jogo de competição futebolística e a imersividade da partida entre clubes, nações e jogador vs. jogador. PES 2021 trouxe consigo uma estabilidade a tudo aquilo que foi implementado — face ao tempo que puderam despender para trabalhar em background (muito provalvelmente).

A ser verdade, o drible ajustado ainda que de forma ligeira, fez muita diferença, sobretudo se compararmos, inevitavelmente com FIFA, o seu opositor direto. Os jogadores mais habilidosos que souberem aproveitar, podem causar estragos nas laterais e em áreas antes quase inalcançáveis. Contra-ataques rápidos ainda são recompensados, mas a retoma de jogo por bola longa (em profundidade) é também, mais evidente. Defender é muito mais arriscado, com muito espaço a ser explorado contra um adversário mais ameaçadores.

As colisões entre jogadores estão bastante melhores, quando comparados com o título desenvolvido em 2019. Os jogadores colidem menos uns com os outros, mas com melhorias inéditas ao nível do motor gráfico. É um pouco ingrato afirmar que não se fizeram alterações de 2019 para 2020. Aliás, é mais fácil dizermos isto, no entanto, a grandes melhorias, por vezes, ocorrem nos sítios mais recônditos, neste caso, ao nível dos algoritmos — algo aproveitado pela Konami neste período pandémico.

Multiplayer

Muito provavelmente, devido à pandemia, a Konami investiu fortemente no modo online como nunca. O fraco desenvolvimento de novos conteúdos, pode ter instigado a aposta na aposta no modo online para beneficiar os jogadores na continuidade até ao próximo lançamento, já em 2021, de PES 2022. Ao contrário daquilo que acontece por exemplo, em NBA 2K21 (analisado aqui no site), PES 2021 demonstra uma maior segurança na aposta neste serviço online.

Parece haver uma diferença entre os dois modos no eFootball PES 2021, como todos os jogos que combinam os modos offline e online. A Konami aproveitou também para introduzir uma capacidade de filtragem maior ao solicitar, por exemplo, uma conexão segura enquanto procura um oponente, mas integrando também uma interface online minimalista e funcional. Estas melhorias permitem momentos bem passado a bordo de PES 2021, pelo que o convidamos a experimentar, se o adquirir.

Aspeto gráfico

O título foi avaliado numa consola PlayStation 4, onde o desempenho estava harmoniosamente trabalhado para que nunca fossem encontradas falhas gritantes quer na jogabilidade, como a nível de texturas e qualidade gráfica. É esta dificuldade de gestão que determina se um jogo tem uma performance bem otimizada ou não. Face a este aspeto, não temos muito mais a acrescentar. O design do jogo está ótimo, notámos apenas alguns momentos em que os personagens perdem por não ter texturas um pouco mais desenvolvidas — provavelmente, para encontrar um melhor desempenho do jogo.

Teoricamente, a atualização da temporada parecem ser uma tentativa de resposta para o problema que todas estas franquias desportivas anuais têm enfrentado. Os efeitos práticos deste novo título, em particular, ao nível das texturas, não é o tipo de inovação que se nota de forma tão dramática. Para os fãs e para a comunidade, pode ser bastante entristecedor, no entanto, é notável o esforço em trazer melhorias, ainda que nas condições possíveis.

Veredito

O reforço da maior estabilidade da jogabilidade praticada no título anterior, passa uma sensação muito mais orgânica da movimentação dos próprios jogadores e da bola, tornando este jogo uma experiência muito gratificante, apesar do fraco conteúdo disponibilizado (compreensível, mas frustrante). Mesmo com todos estes problema inerentes à produção de um jogo à distância, é notável o esforço em praticar preços mais baratos a fim de colmatar a falta de conteúdo — onde percebemos que estamos a pagar menos, porque também temos menos conteúdo.

O título está disponível na atual geração de consolas, mas estará também preparado para a próxima geração — Xbox Series X ou S e PlayStation 5 —, pelo que se tiver intenção de atualizar e possuir uma destas novas consolas, pode optar por adquiri-lo para a nova geração, fará mais sentido, ainda que pouco. O título eFootball PES 2021: Season Update, ainda que um jogo, apresenta-se por 29,99€ para os interessados (visto ser mais uma atualização do que um jogo).

Vista a nossa opinião ao mais recente título da série oficial de PES, gostaria de agradecer à Ecoplay e à Konami por nos disponibilizar esta edição de teste que possibilitou a realização da nossa análise. Continue a acompanhar-nos aqui e no nosso canal do Youtube para mais análises de produtos, veículos e videojogos. Aproveite também para nos seguir nas redes sociais.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here