Análise ao ZTE Axon mini: O regresso ao mercado nacional

ZTE Axon mini (10)

A ZTE é conhecida em Portugal por fabricar telefones para as operadoras móveis, mas agora vai lançar-se com produtos próprios, começando no ZTE Axon mini. Leia a nossa análise para saber tudo o que precisa sobre este aparelho.

Características e Acessórios
Design e ecrã
Desempenho
Câmara
Veredito: ZTE Axon mini

CARACTERISTICAS E ACESSÓRIOS

ZTE Axon mini (13)O novo ZTE Axon mini vem equipado com um processador Snapdragon 615, de 8 núcleos, a 1.5 GHz, 3 Gb de RAM e 32 Gb de memória interna, expansível até 128 Gb através de cartão de memória microSD.

Vem equipado com duas câmaras, uma frontal de 8 MP e uma traseira de 13 MP, com flash LED.

Em baixo fica um resumo das principais características:

  • Dimensões: 143 x 72 x 8 mm
  • Peso: 170 g
  • Sistema operativo: Android OS, v5.1 (Lollipop)
  • Ecrã: 5.2″ / Full HD AMOLED / Resolução: 1920 x 1080 pixels (FHD)
  • Câmara traseira: 13 MP com autofocus, flash LED, foco por toque, deteção facial/sorriso, panorama, HDR, Manual, múltipla exposição
  • Câmara frontal: 5 MP
  • Processador: Snapdragon 615, Octa-core 1.5 GHz 
  • GPU: Adreno 405
  • Memória RAM: 3GB
  • Memória Interna: 32 GB
  • Bateria: 2800 mAh, não removível
  • Wi-Fi: 802.11 b/g/n/ac
  • GPS: A-GPS e GLONASS
  • Bluetooth: v4.0
  • Nano-SIM
  • Sensores: Acelerómetro, Sensor de luz ambiente, sensor de impressão digital, giroscópio, sensor de proximidade.

DESIGN E ECRÃ

ZTE Axon mini (5)O novo ZTE Axon mini vem equipado com um ecrã de 5.2″, full HD AMOLED. O ecrã, com a sua resolução Full HD e cores vividas, permite uma excelente experiência de utilização, quer em vídeos, quer em jogos.

O ecrã também impressiona na sua rápida adaptação às condições de visibilidade ambiente, sendo sempre possível uma excelente visualização do ecrã, mesmo em condições de contraluz.

ZTE Axon mini (14)O exterior do novo ZTE apresenta-se em dourado, com acabamentos metálicos e a parte inferior e superior atrás a imitar pele, sendo os materiais utilizados de boa qualidade. Pessoalmente, não gosto muito da cor adotada. Penso que a ZTE deveria também apostar em cores mais sóbrias e acabamentos mais lisos para este modelo, de modo a abranger os gostos do maior número de pessoas possível.

Apesar de grandes dimensões, o telefone apresenta-se bastante ergonómico e confortável de usar. Ao contrário do que já costuma ser standard, o ZTE Axon mini apresenta os botões de volume no lado oposto do botão de power, o que, num aparelho desta dimensão, torna complicada a captura de ecrã. No entanto, esta é a única operação dificultada por este facto.

ZTE Axon mini (17)Na parte frontal, encontramos o microfone e a coluna na parte inferior, lado a lado. Em cima, do lado esquerdo, encontramos a câmara frontal de 8 MP e o altifalante. O facto de a coluna estar na parte frontal do aparelho é um ponto bastante positivo, dado que nunca bloqueamos a saída de som, em qualquer que fosse a utilização. A localização do altifalante, que está do lado esquerdo, não é de todo intuitiva, sendo que durante uma chamada, damos por nós a tentar encontrar a localização deste para conseguirmos ouvir.

Na parte traseira do telefone, encontramos a câmara de 13 MP, o flash LED e o sensor de impressões digitais. Entre a câmara e o flash temos um afastamento de 1 cm, preenchido com um padrão triangular. Não entendemos o porquê deste afastamento (talvez para diminuir aberrações nas fotografias quando tiradas com flash), mas dispensávamos o padrão triangular. Um ponto bastante positivo é o facto de a ZTE ter conseguido incorporar a câmara dentro do corpo do telefone, sendo que a lente está nivelada com a capa traseira.

DESEMPENHO

ZTE Axon mini (12)Tal como dito acima, o novo ZTE Axon mini vem equipado com um processador Octa-Core Snapdragon 615 a 1.5 GHz, com 3 GB de RAM, o que é mais do que suficiente para tornar a utilização do telefone fluída e sem bloqueios. Notou-se algum aquecimento aquando da utilização de aplicações mais exigentes, tais como jogos ou aplicações de GPS, mas nada de extraordinário.

Foi utilizada a aplicação AnTuTu V6.0 para fazer a comparação com outros aparelhos e foi obtida uma pontuação de 36598, uma pontuação ligeiramente superior ao Huawei G8, testado por nós no mês de Dezembro.

O ZTE Axon mini vem equipado com um sensor de impressões digitais. Este mostrou-se muito fácil de configurar e de utilização. No entanto, utilizando a capa de plástico fornecida pela ZTE, a utilização deste sensor torna-se mais complicada, sendo que muitas das vezes o sensor não consegue ler a impressão digital. No entanto, reforço aqui que isto só acontece quando utilizamos a capa fornecida pela ZTE. Quando comparado com os melhores sensores de impressões digitais, como o do Huawei G8 e iPhone 6S, é claramente inferior.

Uma funcionalidade interessante é o facto de que o ecrã rodar a 360º. Esta característica ainda só foi testada noutro aparelho: o BQ Aquaris X5 Cyanogen.

ZTE Axon mini (11)Outra funcionalidade interessante é o facto de ser possível proteger aplicações através de leitura da iris do olho. Esta poderá ser uma alternativa bem mais segura para proteger dados sensíveis.

O novo ZTE Axon mini também possui a tecnologia force touch, presente no mais recente iPhone 6S. Esta tecnologia permite-nos aceder a conteúdos de aplicações apenas pressionando com mais força o respetivo icon. Sem dúvida uma funcionalidade bastante útil. Apenas uma critica à ZTE: a tradução dos conteúdos do force touch não foi feita para português, como se pode ver na imagem abaixo:

Também se testou exaustivamente o GPS. Este revelou-se bastante preciso e rápido a encontrar satélites.

CÂMARA

O ZTE Axon mini vem equipado com duas câmaras. Uma frontal de 8 MP e uma traseira de 13 MP.

ZTE Axon mini (6)A câmara frontal é excelente para selfies apresentando uma boa qualidade de imagem aliada a uma resolução acima da média do sensor, para câmara frontal, nesta gama de equipamentos. Esta câmara possui 3 modos de fotografia: um modo automático, um modo beauty, que alisa a imagem dando um efeito de pele de bebé à pele, e um modo de deteção de sorrisos.

A qualidade das fotografias obtidas por esta câmara é bastante razoável, como se pode ver na imagem abaixo:

ZTE Axon mini Câmara (1)Já a câmara traseira apresenta um sensor de 13 MP com 10 modos de fotografia, dos quais destacamos o modo automático, o modo manual, o modo panorama, o modo HDR, o modo beauty, o modo de deteção de sorriso, o modo straighten e o modo múltipla exposição.

O modo manual permite escolher manualmente os parâmetros, o que se torna bastante útil para fotografia noturna. A primeira foto foi tirada em modo automático e a segunda, alterámos manualmente o valor do ISO (3600) e do tempo de exposição (1/15). Para tempos de exposição maiores, é conveniente usar um tripé (ou apoiar o telefone), caso contrário as fotografias irão sair tremidas.

Ainda destacamos o modo straighten, que permite “endireitar” fotografias (por exemplo, quanto tiramos uma fotografia a uma folha de papel numa mesa, a imagem fica na diagonal e este modo permite colocar a fotografia com se esta tivesse sido tirada vista de cima).

 

 

O modo múltipla exposição permite tirar N fotos e fazer uma sobreposição de imagens, simulando um pouco o efeito de tempos de exposição longos.

No geral, a qualidade das fotografias obtidas é boa, quer em condições de boa luminosidade, quer em condições de pouca visibilidade, nesta, com o auxilio do modo manual.

Seguem-se algumas das fotos tiradas com o ZTE Axon mini, sendo que poderá ver as imagens originais na nossa página do Flickr:

VEREDITO: ZTE Axon mini

ZTE Axon mini (11)A ZTE não é estreante no mercado nacional e já nos vem habituando a bons equipamentos com preços competitivos. Apesar de não terem venda direta em lojas físicas, é possível adquirir estes equipamentos em lojas online.

O ZTE Axon mini é um excelente equipamento para a média gama onde este se insere. O telefone está bem construído e nota-se bastante atenção aos detalhes. O hardware cumpre muito bem a sua função, sendo o seu funcionamento fluído.

O ecrã é de excelente qualidade, quer a nível de resolução, quer a nível da definição das cores, o que torna qualquer experiência de utilização bastante agradável. Já a bateria, com uma capacidade de 2800 mAh, é mais do que suficiente para uma utilização diária puxada, chegando ao fim do dia com cerca de 40%.

Pontos a favor:

  • Ecrã (cores e resolução);
  • Saída de som frontal;
  • Câmara;
  • Proteção de dados através de leitura ocular;
  • Preço.

Pontos contra:

  • Imitação de acabamentos em pele;
  • Desempenho do sensor de impressões digitais quando utilizada a capa fornecida pela ZTE;
  • Falta traduzir os menus do force touch – estão todos em inglês.

Agradecemos à ZTE por nos ter facultado este dispositivo para teste. O telefone poderá ser adquirido por 329 EUR (nas cores Ion Gold e Chromium Silver) e por 349 EUR (na cor Rose Gold).

Segue abaixo a galeria das nossas fotos:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here