Análise ao Razer Mamba: um rato de luxo para gamers

Os ratos há muito que deixaram de ser periféricos feios e com funcionalidades elementares que nos permitiam interagir com o computador.

Com o desenvolvimento de jogos cada vez mais exigentes em termos de controlos e comandos a indústria desde cedo percebeu que deveria produzir dispositivos capazes de proporcionar a melhor experiência de utilização. Foi o que aconteceu com a Razer que agora nos faz chegar até nós o seu rato de luxo Mamba.

Caraterísticas

Razer MambaTalvez este seja o capítulo mais importante para os compradores do rato Razer Mamba, que foi talhado especialmente para servir as mais exigentes necessidades dos mais requintados e experientes jogadores.

Em termos de interação e comando temos 9 botões programáveis num conjunto que apesar do peso elevado (125 gramas) garante conforto e facilidade de utilização. A ergonomia poderia ser melhorada, falamos de um periférico com desenho assimétrico e que tem como objetico servir os utilizadores apenas da mão direita e que deixará os canhotos a braços com um trabalho de adaptação suplementar.

Razer MambaA resolução do Razer Mamba é de 16.000 DPI, suportados por um sensor de laser 5G, o tempo de resposta é de 1 ms e por cada segundo o rato é capaz de enviar mil vezes informações para o computador. Face à concorrência o Razer Mamba destaca-se por oferecer especificações de todo em termos de resolução e de ‘polling’.

Design

São evidentes as marcas de que estamos perante um produto de muito alta qualidade e com um design refinado. O rato Razer Mamba, um periférico essencial para todos os ‘gamers’, destaca-se perante as outras propostas da marca não apenas por ser o mais caro, mas por ter também detalhes que o tornam único.

Razer MambaO acabamento só poderia ser de luxo, com o Razer Mamba a apresentar uma pintura preta com acabamento mate. Nas laterais temos algumas faixas de LED que dão indicações cromáticas e que contribuem para a sua aparência de objeto de luxo.

A base de recarregamento, que vem incluída com o Razer Mamba, também ela apresenta um desenho cuidado de forma a dar importante contributo para a aparência sofisticada. Na face superior sobressaem as teclas de enormes dimensões.

Desempenho

Razer MambaO desempenho do Razer Mamba está entre os melhores equipamentos do seu segmento, onde pontuam artigos como o Logitech G502 ou o DeathAdder.

Criado especialmente para ir ao encontro das necessidades dos jogadores de jogos de tiros, ‘MOBA’, e títulos de ação, não desilude quando serve para acompanhar títulos como os MMORPG em que é necessário recorrer frequentemente a muitas e variadas teclas.

Veredito: Razer Mamba

Razer MambaDestacado pela sua bateria que garante uma autonomia alargada, tem também na ergonomia um dos pontos positivos (para os utilizadores destros). O software que acompanha o Razer Mamba está à altura do design de exceção e da robustez do conjunto.

Quando o tocamos desde logo atestamos a solidez dos materiais escolhidos e do cuidado tido no fabrico. A única desvantagem que conseguimos encontrar, e após intensas discussões internas, é mesmo o preço, cerca de 150 euros, mas que ainda assim são justificados pela alta qualidade e sofisticação do rato Razer Mamba.

Pontos a Favor:

  • Excelente design
  • Leds coloridas
  • Wireless
  • Boa bateria

Pontos Contra:

  • Preço
  • Design apenas para a mão direita

Desde já agradecemos à Razer por nos ter disponibilizado o Razer Mamba para análise. Pode ser adquirido nas lojas de retalho ou site oficial da Razer por 179,99€. Segue-se a nossa galeria de imagens:

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here