Análise ao Nokia Lumia 530: o smartphone low-cost da Microsoft

Nokia Lumia 530 (1)

A Microsoft voltou novamente a agitar o mercado móvel, desta vez com o Nokia Lumia 530, um smartphone bem equipado com um preço low-cost.

Índice:
Características e Acessórios
Design e Ecrã
Câmara e Desempenho
Veredito: Nokia Lumia 530

Tal como já foi referido anteriormente na análise ao Nokia Lumia 630, a aposta da Microsoft na nova versão do Windows Phone é bastante forte e o mercado português tem estado em primeiro plano nas apostas de dispositivos móveis .

O Lumia 530 que a Microsoft nos disponibilizou tratava-se de uma versão Dual-Sim, acentuando cada vez mais a ideia que a Microsoft pretende acompanhar os seus mais directos adversários num mercado cada vez mais competitivo, pois quase diariamente surgem novos smartphones Android com suporte para dois cartões Sim.

Em termos de equipamento, o Lumia 530 pouco ou nada acrescenta ao que já existe no mercado, umas pequenas melhorias em relação aos antecessores, sendo o preço, o seu principal trunfo, num mercado extremamente competitivo. Numa altura em que muito se fala sobre a extinção da marca Nokia, o mercado de dispositivos móveis não para de crescer, sendo muito provavelmente este o caminho que a Microsoft pretende, pois é cada vez mais notória, a sintonia entre todos os dispositivos da Microsoft.

Características e Acessórios

  • Lumia 530 fotos (10)Dimensões: 119.7 x 62.3 x 11.7 mm
  • Peso: 129 g
  • Sistema Operativo: Windows Phone 8.1
  • Ecrã: IPS de 4″
  • Resolução: 854×480p / 246 ppi
  • Câmara: 5MP
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 200 quad-core com 1.2 GHz
  • GPU: Adreno 305
  • Memória Ram: 512 GB
  • Memória interna: 4GB , MicroSD até 128GB
  • Bateria: 1430 mAh
  • Wi-Fi 802.11 b/g/n, Wi-Fi hotspot, micro-USB
  • GPS com A-GPS e GLONASS
  • Bluetooth 4.0
  • Rádio FM
  • Jack de Áudio Normalizado de 3.5 mm

Este smartphone apresenta boas caraterísticas tendo em conta que é um smartphone low-cost e vem equipado com o mais recente Windows Phone 8.1.

Design e Ecrã

Nokia Lumia 530 (2)O Design do Nokia Lumia 530 não é muito diferente do que nos tem sido presenteada pela Nokia nesta gama, bastante colorido, possuindo a capa traseira em plástico. Desta vez recebemos a versão laranja, uma cor bastante viva e alegre, vem também na caixa uma capa adicional de cor cinzento-escuro, permitindo-nos assim mudar a capa traseira do smartphone a nosso belo prazer.

Tal como o seu irmão mais velho, o Nokia Lumia 630, este Lumia 530 continua fiel ao design, sem botões capacitivos. Também o botão da câmara, que costumamos ter com Windows Phone, já não aparece nestas novas versões, sendo que tudo se foca no lado direito do smartphone, com o botão de ligar/desligar e o botão de volume +/-.

Mas há outras coisas que fazem falta, como o sensor de luminosidade e proximidade, o que não permite um auto-ajustamento da luminosidade do ecrã nem de o ecrã se desligar quando encostamos o ouvido no início de um telefone. Em qualquer smartphone é uma função que não deveria faltar.

Nokia Lumia 530 (7)O ecrã está longe de ser do melhor, mas é o suficiente, até porque nesta gama de preço nunca poderemos contar com caraterísticas topo de gama. As cores são decentes e a visualização na rua é razoável, no entanto o ecrã é demasiado “amigo” das dedadas. Rapidamente fica sujo e para se limpar é uma carga de trabalhos.

De um modo geral, este Lumia 530 é muito bem vindo ao mercado, os consumidores agradecem, mas o problema principal continua, a falta de aplicações. Começa a ver-se alguma melhoria, com alguns programadores a lançar novas aplicações diariamente, mas aguardamos com expectativa que a própria Microsoft lance desafios ou concursos a empresas e programadores de software para disponibilizarem cada vez mais aplicações na sua Windows Phone Store, enquanto isso, a concorrência vai à frente.

Câmara e Desempenho

O Nokia Lumia 530 não é um smartphone topo de gama, no entanto poderia ter, pelo menos, uma câmara frontal mais fraca, mas nem isso. Não falta apenas apenas a câmara frontal, os sensores de proximidade e luminosidade também não estão presentes, enquanto a câmara traseira também não surpreende, mas é decente, com os seus 5MP, mas sem flash.

Nokia Lumia 530 (5)

Mas no software é que temos algumas diferenças, é que num único smartphone vem, de origem, dois softwares para a câmara, um do próprio Windows, o outro é o Nokia Camera. Tirar por tirar, qualquer um serve, mas o Nokia Camera oferece mais opções de edição após a fotografia, mas também demora um pouco mais a tirar a foto, devido a algumas funcionalidades do software.

Em termos de qualidade fotográfica, considero suficiente, nomeadamente nas fotografias com boa luminosidade e em exterior, mas à noite e com pouca luminosidade não conte com resultados excecionais, mas certamente que também não estará à espera disso. Ficam alguns exemplos e pode ver as imagens originais no nosso Flickr:

Lumia 530 fotos (8)

Lumia 530 fotos (4)

Lumia 530 fotos (1)

Quanto ao desempenho, mesmo não tendo 1GB de RAM (tem 512mb) nem um processador quad-core de topo, conta com Snapdragon 200, inferior ao Lumia 630, não é nada mau, muito graças ao sistema operativo leve e funcional, como é o Windows Phone 8.1.

Apesar de ter apenas 4GB de armazenamento, o Lumia 530 suporta microSD até 128GB, sendo que as aplicações podem ser transferidas para o cartão de memória, certamente que ter os 128GB são uma mais valia, além de que dispõe sempre de 15 Gb de espaço na Cloud com o OneDrive.

Nokia Lumia 530 (3)O seu desempenho geral é muito bom, graças ao Windows Phone e às políticas da Microsoft. É que as aplicações adaptam-se aos dispositivos e, por exemplo, experimentei o Asphalt 8: Airborne e o desempenho foi muito bom, apesar de reparar uma quebra nos gráficos em comparação com outros dispositivos de topo, mas mais vale assim do que não poder jogar sequer.

A autonomia do Lumia 530 é bastante boa tendo capacidade para uma utilização intensiva de cerca de dois dias, ou seja, com a realização de várias chamadas e SMSs, utilização de redes sociais, navegando na internet, tirando algumas fotos, com o Wi-Fi sempre ligado e com aplicações a correr em segundo plano. Para uma utilização mais moderado, a autonomia poderá durar vários dias.

Veredito: Nokia Lumia 530

Nokia Lumia 530 (9)O Nokia Lumia 530 é a grande aposta da Nokia para o mercado low-c ost com o novo Windows Phone 8.1, além de um bom design, preço e o suporte a microSD até 128GB que são os grandes pontos positivos, até porque suporte a tanto armazenamento é dos poucos disponíveis em Portugal. Mas não tem câmara frontal nem sensor de proximidade/luminosidade, para um smartphone que tem Skype pré-instalado deixa de fazer sentido. Também este ecrã poderia ser menos “amigável às dedadas”.

Se pretende um smartphone Dual-SIM, que contará com as atualizações da Microsoft, mantendo um bom desempenho, mas que não pretende aplicações demasiado específicas, certamente que este Nokia Lumia 530 irá encaixar bem no seu perfil, até porque por um preço de 119,90€, é um dispositivo bastante apelativo e acessível a qualquer consumidor em geral.

Pontos a Favor:

  • Preço
  • Windows Phone 8.1
  • MicroSD até 128GB
  • Design Colorido
  • Desempenho

Pontos Contra:

  • Não tem câmara frontal
  • Qualidade do ecrã e “sensível” a dedadas
  • Falta sensor de luminosidade e proximidade

Desde já queremos agradecer à Microsoft por nos ter disponibilizado o Nokia Lumia 530 para testes e informo-vos que já pode encontrar o smartphone Dual-SIM por 119,90€ nas lojas de retalho. Fica a nossa galeria de imagens.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

13 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here