Análise ao LG V10: Design robusto para o dia a dia

LG V10 (1)

A LG regressa aos mercados dos topos de gama com um novo aparelho: O LG V10. Lançado em outubro de 2015 e incorporando hardware topo de gama, será este novo LG uma boa opção para quem procura um flagship? Leia a nossa análise para conhecer melhor este telefone.

Índice:
Características e Acessórios
Design e Ecrã
Desempenho
Câmara
Veredicto: LG V10

Características e Acessórios

O novo LG V10 respira robustez. A sua construção é extremamente sólida e isso sente-se quando pegamos no telefone. Os acabamentos em aço inoxidável nas laterais e a sua traseira em borracha em muito contribuem para essa firmesa. Esta robustez leva a que o novo LG V10 tenha certificação MIL-STD-810G contra choques.

LG V10 (3)O telefone é grande e gordo. Com um ecrã de 5.7″ e uma espessura de 8.6 mm, está longe de ser esguio. Este facto pode ser um turn off para muitos utilizadores, mas é uma consequência da sua excelente resistência ao choque. Com 192g, parece ser mais pesado do que na verdade é, prova da sua excelente robustez e qualidade de construção.

No que diz respeito ao hardware, este telefone vem equipado com um processador Qualcomm MSM8992 Snapdragon 808, 4GB de RAM e 32/64 GB de memória interna, expansível através de cartão de memória.

Abaixo uma lista das principais características:

  • Processador: Qualcomm MSM8992 Snapdragon 808, Quad-core 1.44 GHz Cortex-A53 & dual-core 1.82 GHz Cortex-A57
  • GPU: Adreno 418
  • Memória RAM: 4GB
  • Memória interna: 32GB/64GB
  • Sistema operativo: Android V5.1.1 (Lolipop), UI UX 4.0
  • Ecrã: IPS LCD/ resolução: 1440 x 2560 pixels/densidade de pixeis: 515 ppi/rácio ecrã-corpo: 70.8%/ 16M cores
  • Câmara traseira: 16 MPX/Autofocus laser/ f1.8/ OIS/ Flash LED
  • Câmara frontal: 5MPX/ f2.2
  • Gravação de video: [email protected], [email protected], [email protected],
  • Bateria: 3000 mAh, removível
  • Wi-fi: 802.11 a/b/g/n/ac, dual-band, Wi-Fi Direct, DLNA, hotspot
  • Conectividade: GSM/CDMA/HSPA/EVDO/LTE
  • GPS: GPS, A-GPS, GLONASS
  • Bluetooth: V4.1
  • Sensores: Acelerómetro, Giroscópio,  Bússula, Proximidade, Impressão digital
  • Dimensões: 159.6 x 79.3 x 8.6 mm
  • Peso: 192g

Design e Ecrã

LG V10 (6)A aposta da LG neste novo LG V10 é num design simples e robusto. A grande consequência dessa robustez foi as elevadas dimensões do telefone, o que tornam desconfortável o seu transporte no bolso das calças. No entanto, se ignorarmos este facto, temos em mão um telefone com um design muito apelativo e com acabamentos muito interessantes.

A LG não se poupou na utilização de materiais de grande qualidade. Prova disso são as laterais do telefone, em aço inoxidável, que dão um ar de telefone de combate a este aparelho. Outra característica interessante é a utilização de borracha texturizada na traseira do telefone, que confere uma excelente aderência em todas as superfícies e um excelente conforto de utilização com o telefone na mão. A utilização destes materiais aliados a um design ligeiramente curvo da traseira tornam este telefone um dos mais ergonómicos que me passaram pelas mãos, fazendo esquecer facilmente as suas dimensões elevadas.

A conjugação dos detalhes acima mencionados, aliados aos materiais utilizados, dão um look muito militarizado ao telefone, facto que me agrada bastante.

LG V10 (9)Já habitual nos aparelhos de grandes dimensões da LG está a colocação dos botões de volume e botão de power na parte traseira do telefone. Tendo em conta as dimensões do telefone, esta é garantidamente a melhor posição para se colocar estes botões, tornando a sua utilização muito fácil, mesmo para quem tem mãos pequenas. Esta posição dos botões ajuda também a tornar o design frontal mais limpo. Uma curiosidade interessante é o facto de a LG ter colocado o sensor de impressões digitais no botão de power. Esta solução funciona perfeitamente e torna o design ainda mais limpo.

Na parte frontal do telefone encontramos, acima e numa posição centrada, o altifalante e o sensor de proximidade. Ainda na parte superior, à esquerda, encontramos a câmara frontal e o seu flash. Abaixo, ao centro, encontramos o logótipo da LG.

Nas laterais, em aço inoxidável, não se encontram quaisquer botões. Na lateral inferior encontramos a saída jack 3.5, a porta MicroUSB, o microfone e a coluna.

Na parte traseira, numa posição central encontramos a câmara traseira e, imediatamente abaixo, os botões de power e de volume. À esquerda da câmara encontramos o flash de duplo LED e à direita da câmara encontramos um sensor a laser de focagem. A traseira é removível e permite acesso ao cartão SIM, ao cartão microSD e à bateria removível. Para muitos ter uma bateria removível pode ser uma grande vantagem, mas para mim é o oposto.

LG V10 (2)No que diz respeito ao ecrã, este LG V10 vem equipado com dois. O principal, de 5.7″, resolução QuadHD (1440 x 2560 pixels), é do tipo IPS LCD capacitivo, com 16 M de cores. Apesar de não ter a definição de cor de um ecrã com tecnologia AMOLED, não condiciona em nada a utilização deste em qualquer cenário: vídeo, jogos, etc, sendo a resolução e o número de cores muito adequados ao tamanho do ecrã. De louvar é também a excelente adaptabilidade do ecrã em qualquer tipo de luminosidade. Mesmo com óculos polarizados, a visualização é excelente.

Uma característica de segurança interessante é o facto de o telefone não permitir consultar as notificações no ecrã de bloqueio. Para as consultar, o utilizador terá de desbloquear o telefone. Com o ecrã bloqueado, apenas temos a informação de que temos uma notificação de determinada aplicação.

O segundo ecrã, presente na parte superior no ecrã principal, de 2.1″, com uma resolução de 160X1040 pixéis (502 ppi), é uma adição muito interessante. Este encontra-se permanentemente retroiluminado e permite-nos visualizar notificações, a data e as horas, sem que para isso tenhamos de ligar o ecrã principal. A utilização deste ecrã tem duas vantagens óbvias: poupamos tempo e bateria. Tempo porque a informação está disponível sem que tenhamos de executar qualquer tipo de ação. Bateria porque, apesar de o ecrã estar permanentemente retroiluminado, é muito mais pequeno que o ecrã principal, e o seu consumo de energia é desprezável.

Desempenho

O novo LG vem equipado com o processador Qualcomm MSM8992 Snapdragon 808 com Quad-core 1.44 GHz Cortex-A53 e dual-core 1.82 GHz Cortex-A57. Aliado a este processador estão os 4 GB de RAM, que permitem uma utilização fluida, sem qualquer bloqueio registado.

No software de benchmark AnTuTu V6.0.1, pontuou 66612 pontos no nosso teste, ficando ligeiramente à frente do LG G4 mas ficando atrás de telefones como o Google Nexus 6 e Sony Xperia Z5. Confesso que a pontuação foi um desilusão. Com 4GB de RAM, deveria ter pontuado muito mais. Talvez a escolha do processador não tenha sido a mais adequada. Verdade seja dita, independentemente da pontuação obtida, o telefone funciona na perfeição, mesmo em multitasking, ou até mesmo correndo jogos mais pesados. Mas tendo em conta o valor que se paga por este equipamento, é lícito esperarmos mais.

O LG V10 vem com o SO Android 5.1.1 Lollipop, o que também é, um pouco, uma desilusão. Mas existem rumores que este telefone estará na lista para possíveis atualizações para o Android 6.0 Marshmallow.

LG V10 SS (1)No que diz respeito ao desempenho em jogos e vídeo, este telefone não desilude. O ecrã de grandes dimensões aliado à memória RAM, processador e GPU, permitem correr jogos pesados, nas definições de máxima qualidade sem qualquer registo de bloqueios ou lentidão. O mesmo se pode dizer em relação aos videos. Apesar de só possuir uma coluna, localizada na lateral inferior do telefone, o som que sai da coluna é muito nítido e de boa qualidade, não se tendo registado quaisquer distorções.

O telefone também vem equipado com um sensor de impressões digitais. Este é muito simples de configurar e permite o registo de vários dedos. O desbloqueio do telefone recorrendo a este senso é muito eficiente, registando taxas de sucesso na ordem dos 90%.

O LG V10 vem equipado com uma bateria amovível de 3000 mAh, bateria mais do que suficiente para 2 dias de utilização normal ou um dia com utilização mais puxada.

LG V10 (7)

Em relação ao sensor GPS, em condução, a fixação do sinal é rápida e o cálculo de novas rotas é muito rápido também. Em corrida, utilizando a aplicação Strava, o GPS mostrou-se muito preciso no registo da rota percorrida, não registando qualquer problema em fixar o satélite.

Outra característica interessante é o facto de este telefone possuir sensor de infravermelhos, o que na prática permite controlar todo o tipo de aparelhos que são atuados por infravermelhos (televisões, máquinas fotográficas, etc). Uma aplicação para controlo por infravermelhos já vem pré-instalada.

Câmara

O LG V10 vem equipado com uma câmara traseira de 16 MP, abertura f1.8 com laser autofocus e flash duplo LED. A dimensão do sensor (1/2.6″) é maior do que os sensores mais comuns aplicáveis a smartphones. Sendo maior, tem a vantagem de capturar mais luz e de ter distâncias focais mais baixas. Este facto, aliado à excelente resolução e à rápida velocidade de foco, permitem-me concluir que esta é uma das melhores câmaras de smartphone que já testei. Sem dúvida que não desilude. A nitidez obtida e as cores capturadas são de elevada qualidade.

LG V10 câmara

A aplicação da câmara disponibiliza um modo automático (com ou sem HDR) e um modo manual muito simples de utilizar, onde facilmente se altera o equilíbrio de brancos, ISO, velocidade e obturador. Também nesse modo permite fazer a focagem manual, tendo 9 pontos de focagem disponíveis. Outra funcionalidade muito interessante é o facto de permitir gravar as fotografias em formato RAW. Também permite visualizar, em utilização, o histograma da imagem a registar. Sem dúvida uma das mais completas e intuitivas aplicações de fotografia.

Para além do modo automático e do modo manual, a câmara permite escolher mais 3 modos: câmara lenta, panorama e Multi-view. Este último permite utilizar a câmara frontal e traseira em simultâneos, permitindo montagens muito interessantes.

Também o modo vídeo é presenteado com um modo manual, permitindo o mesmo controlo que no modo de fotografia.  Estão disponíveis 3 modos de video: [email protected] (FHD), [email protected] (HD) e [email protected] Pena é não permitir filmar em 4K.

A câmara frontal, de 5 MPx e abertura de f2.2, permite o registo de imagens com uma qualidade muito razoável. Para ajudar nas selfies, vem equipado com um flash frontal, o que permite a obtenção de imagens mesmo quando a luz não ajuda. Quando a câmara frontal está ativa, apenas o modo automático pode ser utilizado.

Seguem-se alguns exemplos de fotografias redimensionados para o site, mas poderão ver as fotos originais na nossa página do Flickr:

LG V10 fotos (17) LG V10 fotos (12) LG V10 fotos (4)

Veredicto: LG V10

Sem dúvida que o novo LG V10 é um exemplo de robustez e qualidade de construção. O pormenor das laterais serem de aço inoxidável e a traseira ser em borracha texturizada dão uma sensação da excelente qualidade de construção e uma excelente atenção aos detalhes.

LG V10 (10)O seu funcionamento é fluído, o seu ecrã de grandes dimensões é de excelente qualidade em qualquer condição de iluminação e os 4 GB de RAM permitem abusar do multitasking. 

A pontuação no AnTuTu desiludiu um pouco, mas nada que se notasse em utilização. Tendo em conta que o telefone custa quase 800 euros, seria de esperar um processador melhor. De esperar seria também a versão 6.0 do Android, apesar de ser muito provável que a LG disponibilize em breve esta versão do Android.

A câmara revelou ser o ponto mais forte deste aparelho, tendo um desempenho exemplar, quer a nível de resolução, quer a nível de nitidez, quer a nível da sua aplicação muito completa.

O telefone apresenta dimensões algo volumosas e é pesado. Para alguns poderá ser um ponto negativo, principalmente porque usa-lo no bolso das calças é um desafio. Para mim não me incomoda e é consequência da elevada resistência ao choque, patente da obtenção da certificação MIL-STD-810G.

Pontos a favor:

  • Câmara traseira;
  • Robustez;
  • Ergonomia;
  • Design “militarizado”;
  • Ecrã;
  • Sensor de infravermelhos.

Pontos contra:

  • Processador com desempenho mediocre;
  • Equipamento ainda vem com a versão 5.1.1 do Android.

Agradecemos desde já à LG por nos ter facultado o equipamento para teste. Este pode ser adquirido em lojas de retalho por 799 euros. Segue-se a nossa galeria de imagens:

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here