Amazon ultrapassa Microsoft no valor de mercado

A Amazon ultrapassou o valor de mercado da Microsoft. A gigante do retalho eletrónico ocupa agora a terceira posição entre as empresas mais valiosas do mundo. No topo continuam a Apple e a Alphabet.

As ações da Amazon encerraram em alta de 2,6% na semana passada, enquanto as da Microsoft, que foi despromovida ao quarto lugar, foram negociadas apenas a mais 1,6%, refletindo valor de mercado de 699,2 mil miilhões de dólares. A Apple, por sua vez, possui valor de mercado de 849,2 mil milhões de dólares, enquanto a Alphabet por si atinge os 744,8 mil milhões de dólares.

Em apenas três anos a Amazon praticamente quadruplicou o seu valor no mercado. Em julho de 2011, o seu valor de mercado era de apenas 100 mil milhões de dólares, valor que quintuplicou em outubro de 2017. Jeff Bezos tornou-se assim o homem mais rico do mundo, relegando para posição secundária Bill Gates.

A expansão das áreas de negócio da Amazon têm sido determinantes neste trilho de sucesso e escalada de valor de mercado. A empresa começou por ser uma espécie de livraria e discoteca online, vendendo hoje os mais variados artigos e contando com plataformas e serviços de conteúdos inovadoras.

Veja também...

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
  Subscrever  
Notificar de