Acionistas da Volkswagen pedem indemnização histórica por causa do ‘dieselgate’

volkswagen

A Volkswagen enfrente um processo de 3,3 mil milhões de euros dos acionistas que reclamam que o fabricante demorou demasiado tempo a fornecer informações sobre o escândalo das emissões nos motores a Diesel que equipam os seus automóveis.

O processo, interposto na passada segunda feira no tribunal regional de Braunschweig, é para a Bloomberg o mais pesado golpe desde o início deste episódio negro do gigante alemão.

O advogado Andreas Tilp interpôs a ação judicial a mando de 278 investidores institucionais, e em declarações à Bloomberg afirmou que o processo era indispensável porque «a Volkswagen nega constantemente qualquer tipo de negociações».  A estas declarações um porta-voz da Volkswagen afirmou que a companhia ainda não estava totalmente inteirada da ação judicial para poder comentar.

O escândalo ‘dieselgate’ surgiu na sequência de acusações à VW que estaria a instalar software especial encapotado para manipular os índices de emissões dos seus automóveis. Até ao momento o fabricante tem nos tribunais de todo o mundo vários processos pendentes. A proibição das vendas poderá surgir na sequência destes acontecimentos. Os acionistas que interpuseram esta ação penal incluem fundos de investimento alemães, companhias de seguros, e o fundo de pensões dos funcionários públicos da Califórnia.

FONTE: Bloomberg

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here