Accelerate da Lenovo deste ano têm grandes surpresas

A conferência anual Accelerate da Lenovo finalmente teve início, e para os fãs que estavam esperando ansiosamente, a empresa não enrolou e logo revelou sua série de novos dispositivos. Desta vez a Lenovo apresentou três laptops, incluindo uma central projetada para cargas de trabalho intensivas, o primeiro headset de realidade aumentada voltado para empresas e dois minúsculos PCs criados para casos emergentes de implantação da Internet das Coisas (IoT).

Temos que admitir que a empresa não poupou esforços nesses lançamentos, o que deixou muita gente de boca aberta. A formação é surpreendentemente interessante e indica que a Lenovo está explorando novos produtos longe do tradicional mercado de PCs.

Produtos

Enfim, de todo os produtos que foram apresentados, de longe o que mais chamou atenção foi o ThinkPad X1 Extreme Gen 2. O qual está cotado para chegar em julho com um preço inicial de US $ 1.499,99.

Este é nada mais nada menos do que um laptop de 15 ”de alto desempenho com acabamento preto comercial furtivo, até um processador Core i9, uma GTX 1650 Max-Q, 4 TB de armazenamento SSD e 64 GB de RAM. O que o torna único, no entanto, é uma opção de tela OLED de 4K HDR e suporte para WiFi 6, tudo contido em um chassi esbelto de 18,4 mm e 2,35 lb.

E para os fãs mais exigentes e co um gosto diferente, sempre existe as boas e velhas costumizações que a empresa disponibiliza. Embora a Lenovo não tenha revelado os preços dos modelos de alta especificação, eles não são baratos – a atualização para OLED no Razer Blade custa um extra de US $ 300 e a Lenovo parece estar usando o mesmo painel.

Os outros dois novos laptops da Lenovo são os ThinkBook 14s e ThinkBook 13s. Os quais estão cotados para chegarem ao mercado no final deste mês por US $ 749 e US $ 729, respectivamente.

Ambos usam processadores Intel da 8ª geração, telas de 1080p e baterias de 45 Whr, e podem ser configurados para ter entre 4 GB e 16 GB de RAM e até 512 GB de armazenamento. O modelo básico do ThinkBook 13s tem uma GPU integrada, enquanto os modelos atualizados e os ThinkBook 14s têm uma AMD Radeon 540X com 2 GB de GDDR5.

Outra novidade

No Accelerate deste ano, a Lenovo lançou uma nova submarca: ThinkReality, que previsivelmente se refere à realidade aumentada. O primeiro produto é o A6, um headset voltado para a empresa que é um cruzamento entre o Microsoft Hololens e o Magic Leap One.

O A6 se concentra mais na utilidade e na relação custo-benefício do que inovar, já que utiliza um processador Snapdragon 845 e uma Unidade de Processamento Visual Intel Movidius rodando o Android Oreo para se alimentar de uma pequena caixa que os usuários podem deixar no bolso.

Como o Magic Leap One, ele tem um campo de visão de 40 °, embora a resolução seja um pouco maior em 1080p (acima de 960p) e a duração estimada da bateria é melhor em quatro horas. A interação é principalmente através de gestos, embora haja um controlador, reconhecimento de voz, rastreamento ocular e até reconhecimento de objetos.

O principal recurso do ThinkReality A6 é a plataforma ThinkReality, que promete “reduzir os tempos de reparo, eliminar erros, otimizar fluxos de trabalho complexos, melhorar a qualidade do treinamento e economizar custos”, embora a Lenovo não tenha revelado como. O destino da A6 depende de seu preço e software, visto que nenhum deles foi revelado ainda.

Os Pcs

Enfim, para terminarmos esta apresentação, deixamos os PCs comerciais “mais compactos” do mundo por último. Estas máquinas tem aproximadamente 0,4L, isso mesmo, esta máquina não tem nem mesmo meio litro de volume.

O ThinkCentre M90N-1 Nano IoT a partir de US $ 539 e o M90N-1 Nano a partir de US $ 639. A versão IoT foi projetada para duas coisas: usar em sites de trabalho desafiadores e controlar sensores e dispositivos da IoT. Como tal, as especificações (i3, 8 GB de RAM, 512GB SSD) ocupam um lugar secundário no design, que é sem ventilador, à prova de vibrações e termicamente protegido, e os slots e portas de expansão, que permitem aos usuários adicionar suporte 4G ou 5G , monte-o em uma parede ou conecte antenas ou cabos conectados a câmeras ou outros sensores para redes IoT.

A versão não-IoT usa o mesmo design e a inverte, adicionando um ventilador e tornando-o empilhável para uso em ambientes com espaço limitado, como call centers. Ele também pode lidar com especificações mais altas, até um processador Core i7 de 8ª geração, 16 GB de RAM e 1 TB de armazenamento SSD. Ambas as versões são lançadas em agosto.

Enfim, o que você acha destes novos produtos da Lenovo? Como podemos perceber, as empresas estão se bicando sério em questão de tecnologia de ponta acessível para os clientes. Empresas como a AMD, a Intel, Razor entre outras estão todas prontas para o combate e já mostraram suas armas…

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here