A rede 4G irá chegar à lua pelas mãos da Vodafone e Nokia

Quando pensamos que não é possível ir mais longe, existem marcas que nos surpreendem. As marcas Nokia e a Vodafone são um exemplo disso. Procurando ir mais longe, mas acima de tudo, marcar a diferença ao integrar um projeto onde a Audi e a PTScientist participam para levar uma infraestrutura 4G móvel para a Lua.

«Jack Swigert foi um dos astronautas que tentou chegar à Lua a bordo da Apolo 13. Uma missão que podia ter terminado em tragédia, mas que deu origem a uma das frases mais famosas da história aeroespacial, proferida precisamente por Swigert. Este, ao dar-se conta de que o painel de comandos se tinha transformado num festival de luzes, disse: “Bom, Houston, tivemos um problema.”» refere a Vodafone. Se a missão for bem sucedida, poderemos alterar o futuro das comunicações para futuros astronautas.

A missão irá disponibilizar à PTScientist grupo de cientistas e engenheiros aeroespaciais sedeados na Alemanha, uma “rede extraterrestre” financiada, pela primeira vez, por investimentos de empresas privadas.

Mission to the Moon, o título diz tudo, trata-se da missão da responsabilidade, principalmente da Audi e que consiste em «[…] colocar dois Rovers fabricados pela [marca] na superfície lunar, perto de onde aterrou a Apolo 17, a última missão tripulada do ser humano ao nosso satélite. O veículo utilizado pelos astronautas há 46 anos, o Lunar Roving Vehicle, é um elemento fundamental de estudo, já que se pretende analisar o efeito da passagem do tempo nos materiais com que foi fabricado. Uma informação que será essencial, asseguram os cientistas, para saber como reagirão as futuras construções que estabeleçamos na Lua».

Mais informações em https://www.vodafone.pt/vodafone-future.html

ALINA, o módulo espacial da PTScientist, será colocado na órbitra terrestre através dos foguetões Falcon 9 da SpaceX de Elon Musk. A partir daí, será reencaminhado para a órbitra lunar, carregando dois Rovers, equipados com câmaras de alta resolução. Face à infraestrutura de rede 4G, serão capazes de enviar as gravações em HD para a Terra. Como refere a diretora de projeto, Laura Schuetze, “Oxalá todos possam tirar selfies, ver os programas de televisão preferidos por streaming ou fazer Facetime de um planeta para o outro” o que demonstraria o poder tecnológico e o avanço na ciência de modo a permitir a habitabilidade de humanos em outros planetas.

Fonte: Vodafone

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here