A maioria dos americanos afirma não conseguir distinguir entre “bots” e “humanos reais” nas redes sociais

A maioria dos americanos afirma que não consegue distinguir entre “bots” e “humanos reais” nas redes sociais. Este estudo foi realizado pelo prestigiado Pew Research Center. Apenas 47% dos americanos estão “algo confiantes” que conseguem identificar bots nas redes sociais.

Em contraste, a maioria dos americanos considera que consegue separar facilmente notícias falsas de notícias verdadeiras.

O que é que as pessoas pensam dos bots?

Este estudo é interessante por ter colocado a perspectiva dos utilizadores comuns em relação à proliferação de bots nas plataformas sociais. O estudo entrevistou 4.500 adultos americanos.

Um dado curioso, é que a maioria dos americanos sabe muito pouco sobre a existência de bots. Dois terços dos entrevistados disseram ter “ouvido alguma coisa” sobre os bots, mas apenas 16% afirmaram ter “ouvi muito” sobre estas entidades.

34% dos entrevistados referiu que simplesmente nunca tinha ouvido falar no conceito. Existe uma diferença geracional vincada nestes dados: quanto mais jovens os inquiridos, mais informação revelaram ter sobre os bots. Também foi encontrada uma diferença nos géneros: os homens afirmaram 22% mais que as mulheres já ter ouvido falar “muito” dos bots.

A maioria considera que estas contas são utilizadas para “maus propósitos”

Entre os que já ouviram falar dos bots, 80% considerou que eles são utilizados para maus propósitos. Esta desconfiança perante as inteligências artificiais que andam pelas plataformas sociais é generalizada: tanto os mais velhos como os mais novos, como os republicanos ou democratas, todos consideraram que, de uma forma geral, estes bots são utilizados com más intenções. Esta desconfiança aumenta ainda mais entre aqueles que se afirmam muito informados sobre o assunto.

A conclusão do estudo

O estudo conclui que, de uma forma geral, os americanos estão preocupados e desinformados em relação ao fenómeno dos bots. Os bots são neste momento uma realidade incontornável para quem circula pelas redes sociais no mundo inteiro. Será que estamos informados sobre os bots em Portugal?

Fonte: The Verge

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here