A Amazon está criando seu próprio serviço de streaming de jogos

Os jogos são hoje, um dos grandes mercados de tecnologia. Empresas estão investindo cada vez mais nesse setor por causa de seu crescimento e lucratividade. A Amazon por sua vez, está prestes a aumentar sua presença neste setor.

A gigante Americana, está construindo um serviço de streaming de jogos, algo parecido ao Project xCloud, da Microsoft, e ao Project Stream, do Google. Essa informação veio de um novo relatório publicado pela The Information.

Porém, este serviço de streaming de jogos não deverá ser lançado até 2020, mas a Amazon já teve muitos diálogos com editores de jogos avaliando o seu interesse em distribuir seus títulos através do próximo serviço.

Isso não é uma grande surpresa para aqueles mais atentos. Já era esperado que a Amazon explorasse sua infra-estrutura baseada em nuvem da AWS existente, a qual é usada por muitos desenvolvedores de jogos.

Faz algum tempo que existem rumores e boatos sobre um console de videogame produzido pela empresa. Mas agora, com o mercado digital em ascensão, a Amazon pode simplesmente se concentrar em seus pontos fortes e a rede em nuvem é um deles que deverão se sobressair neste caso.

É novidade?

Como já citamos acima, para os mais atentos, esta não é uma grande surpresa. Preparativos já estavam a caminho desde ano passado. Ou melhor, desde a aquisição da GameSparks, esta é uma empresa irlandesa conhecida por seus serviços de back-end para desenvolvedores de jogos como serviços como matchmaking, leaderboards, torneios, chat, análise de clientes e muito mais.

Além disto, outro acontecimento levantou suspeitas. Semanas depois, um conjunto flexível de APIs para desenvolvedores chamado GameOn foi revelado. Este empacotou os recursos já citados, além da capacidade de enviar prêmios do mundo real via Amazon.com.

A Amazon também acabou tentando construir seus próprios estúdios de desenvolvimento de jogos, mas esta tentativa não terminou com muito sucesso. Um dos três jogos anunciados no TwitchCon 2016, o Breakout do tipo MOBA, acabou cancelado.

Já o outro título, Battle Royale Crucible, não está recebendo atualização já faz algum tempo. O foco da empresa, parece estar voltado atualmente no MMO de sandbox do Novo Mundo.

Esperamos que a empresa não deixe esse projeto em um canto. Afinal, jogos sempre serão muito procurados, e recompensam muito bem as empresas.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here