Facebook já permite usuários apagar as mensagens do Messenger!

O recurso de apagar as mensagens acidentalmente enviadas não é tão novidade em aplicativos da mesma companhia, como o Instagram e o Whatsapp, mas agora também está disponível para os usuários do Messenger do Facebook.

O usuário da rede social agora possuem 10 minutos para deletar suas mensagens depois de já tê-las enviadas. A atualização é destinada para aqueles que “acidentalmente tenham enviado uma mensagem para o grupo errado de amigos, digitado algo incorretamente ou simplesmente queira remover uma mensagem em um bate-papo”, esclarece o Facebook.

Essa possibilidade já aparecia remotamente em 2018, quando o TechCrunch informou que as mensagens antigas enviadas pelo CEO Mark Zuckerberg estavam desaparecendo das caixas de entrada dos destinatários sem o conhecimento delas.

Além disso, o Facebook já oferece uma opção para os usuários enviarem mensagens que se auto excluem via Messenger: as conversas secretas. O recurso permite que os usuários, com o pleno conhecimento dos outros participantes, definam suas mensagens para expirarem após um tempo definido.

Diante da atualização, surge o seguinte alerta:  permitir que os usuários “eliminem” mensagens pode promover abuso e assédio na plataforma, já que evidências de tal comportamento poderiam ser removidas. Na própria página do Messenger ressalta-se que o canal de denúncias de conversas que violam os padrões da comunidade é uma ferramenta contra esse tipo de violência, mesmo assim, ao identificar certifique-se de manter os dados para possíveis denuncias.

Para finalizar, o recurso adicional de “não enviar” o texto no Messenger está bem atrasada, considerando que há funções semelhantes existentes há muito tempo nos aplicativos do WhatsApp e do Instagram, de propriedade do Facebook. O WhatsApp adicionou um recurso “unsend” em 2017 para mensagens de até uma hora após o envio, já o Instagram permitiu que os usuários removessem mensagens desde que as Mensagens Diretas (DM) foram adicionadas à plataforma em 2013.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here