20 grupos de advocacia assinaram um comunicado para reguladores tomarem cuidado com a aquisição do Fitbit pela Google

O Google decidiu adquirir a empresa de fitness Fitbit em novembro do ano passado , mas o acordo ainda não passou por todas as aprovações regulatórias necessárias.

Há preocupações de que a aquisição possa levar a uma concorrência reduzida e o Google estenda seu aparato de coleta de dados para anúncios direcionados, e agora grupos de defesa em todo o mundo estão pedindo aos governos que investiguem atentamente o acordo.

Um total de 20 grupos de advocacia sediados na Europa, Estados Unidos, América Latina e outras regiões assinaram um comunicado conjunto pedindo aos reguladores do governo que tomem cuidado com a aquisição do Fitbit pelo Google.

“A experiência passada mostra que os reguladores devem ter muito cuidado com as promessas feitas pelas partes em relação à restrição do uso dos dados da meta de aquisição”, disseram os grupos.

“Os reguladores devem assumir que o Google utilizará na prática todo o conjunto de dados exclusivo e altamente sensível atualmente apto da Fitbit, em combinação com os seus próprios”.

Google

Em comunicado à Reuters, um porta-voz do Google disse: “Este acordo é sobre dispositivos, não dados. Acreditamos que a combinação dos esforços de hardware do Google e do Fitbit aumentará a concorrência no setor”.

Enquanto isso, os reguladores da Europa estão investigando se o acordo tiraria outros fabricantes de roupas do mercado ou aumentaria o domínio do Google em publicidade e pesquisa on-line.

Um regulador da UE teria enviado um questionário de 47 páginas a empresas rivais, com perguntas como “Na sua opinião, a agregação dos dados do Fitbit ao banco de dados do Google reforçaria a posição do Google no fornecimento de serviços de publicidade on-line?”

A Comissão Europeia deverá decidir sobre o acordo até 20 de julho. O órgão regulador antitruste da Austrália alertou contra o acordo, mas não fará um julgamento final até agosto. Como sempre, ainda vai acontecer muita coisa nesta discussão… Mas existem grandes chances da Google perder esse debate.

Fonte

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here